Veja as últimas notícias de florianópolis


Longa “Rendas no Ar” segue gravações na Ilha de Anhatomirim

Deolhonailha: 16/09/2011 - Postado por:

As filmagens iniciaram em 17 de agosto e seguem até o dia 21 de setembro na Ilha de Anhatomirim e Fortaleza Santa Cruz de Anhatomirim. O projeto da Vagaluzes Filmes venceu o Edital Catarinense de 2009 e conta com produção associada da Usina da Alegria Planetária, parceria com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e o Projeto Fortalezas/UFSC e apoio do Corpo de Bombeiros de Santa Catarina.

Ana é uma jovem de personalidade irreverente e indomável. Após a morte de seus pais, depara-se com a opressão causada pelo confinamento a que é submetida pelo homem que passa a ser seu tutor. Em sua condição de mulher, órfã e supostamente louca, vivendo na antiga Desterro do século XIX, ela é interditada de sua herança e direitos.

Esse é o enredo do longa-metragem “Rendas no Ar”, com direção de Sandra Alves e roteiro de Vera Longo, André Collazzi e Sandra Alves. O filme é uma reflexão sobre liberdade, clausura, dinheiro, poder, loucura e poesia. A personagem principal, Ana, encontra nas palavras poéticas uma forma de se manter sã. O título faz referência às rendas de bilro e é uma metáfora em relação ao patrimônio herdado pela protagonista.
Durante os dias de filmagem, a equipe tem que lidar com certas adversidades, como o período de chuva. A diretora Sandra Alves contou que as chuvas não atrasaram aprodução, porém dificultaram o trabalho de deslocamento da equipe. Outro ponto é de que o filme é rodado em uma ilha. Para chegar todo dia ao local de filmagem, todos são transportados na escuna Vento Sul, com o capitão Zé Luiz. No fim do dia, equipe e elenco trabalham juntos para reunir todo o material que deve ser levado de volta ao continente.

O longa é todo produzido com o conceito de sustentabilidade. A direção de arte, feita pela equipe da Usina da Alegria Planetária, produziu todo o figurino com reaproveitamento de roupas e peças doadas ou compradas em brechós. Os móveis e objetos que compõem o cenário também foram doações ou empréstimos de locais como o Museu do Lixo, da Comcap.

A atriz Marina Medeiros faz o papel da protagonista Ana. Nara Sakarê interpreta a ama Maria Morena e o papel do tutor Fonseca é feito pelo ator Renato Turnes. A preparação do elenco foi feita com Christian Duurvoort, responsável pela preparação de atores em produções como Ensaio sobre a Cegueira e Cidade dos Homens. As atividades duraram quatro semanas e foram feitas no espaço da Usina da Alegria Planetária, em Cotia, São Paulo.

Mais informações: www.vagaluzesfilmes.wordpress.com.br

Categoria: Variedades

Comente!

Filtrar categoria









Últimas notícias

ver todas

Roteiros

Sábado no Mercado Público

Sábado no Mercado Público

Reunir gente interessada para algo mais que comprar e vender.

mais roteiros