15.6 C
fpolis
quarta-feira, setembro 15, 2021
cinesytem

Cachaça tradicional na 4ª Vitrine SEBRAE – Aroma, Sabor & ArteCatarina

spot_img

Cachaça tradicional na 4ª Vitrine SEBRAE – Aroma, Sabor & ArteCatarina

Produto pode ser degustado durante o evento que está sendo realizado no vão central do Beiramar Shopping

Após realizar pesquisas na região canavieira do litoral da Ilha de Santa Catarina e selecionar destiladores que recuperassem a tradição do fabrico de cachaça na Ilha, o Armazém Vieira conseguiu posicionar o produto entre os melhores destilados nacionais e internacionais. Hoje, de moradores à turistas que visitam Florianópolis, não há quem não tenha provado a “branquinha” elaborada do caldo de cana de açúcar destilado em um alambique de cobre.

Para o correto envelhecimento, foram adquiridos antigos tonéis de madeira procedentes da Mata Atlântica, da essência Ariribá ou Araruva. Esses tonéis, ao longo dos anos, têm demonstrado sua qualidade no envelhecimento e maturação da cachaça. Os processos de fermentação e destilação são os tradicionais do século 18, aprimorados pela empresa proprietária da marca e do prédio histórico localizado no bairro do Saco dos Limões, no Sul da Ilha.

Quem quiser apenas degustar ou adquirir a tradicional cachaça, até 20 de fevereiro artesãos e produtores de Santa Catarina, como o Armazém Vieira, estarão expondo e comercializando seus produtos no vão central do Beiramar Shopping na 4ª Vitrine SEBRAE – Aroma, Sabor & ArteCatarina, diariamente, das 14 às 22h. A entrada é gratuita e as degustações ocorrem sempre às 19h.

Fábrica restaurada – Em 1840 foi construído o armazém que servia de entreposto marítimo aos navios que aportavam na ilha de Santa Catarina. No entreposto instalado à beira mar, no bairro Saco dos Limões, eram comercializados os produtos agrícolas produzidos no Sul da Ilha de Santa Catarina, entre eles a cachaça, que na época era conhecida como Rhum, Rum ou Ron.
Vários navegantes registraram a compra do produto na Ilha. No entreposto, era costume servir cachaça aos fregueses. Entre 1983 e 1985 o prédio foi restaurado para instalação do Bar Armazém Vieira e da fábrica de cachaça, com o mesmo nome. Em abril de 1984 o prédio foi declarado de valor histórico da cidade 1985 foi concluída sua restauração.

Visando a excelência do produto, técnicos da Universidade Federal de Santa Catarina desenvolveram um sistema de controle de qualidade abrangendo seleção da cana de açúcar, o controle da fermentação do caldo e sua destilação. Todos os processos de produção e envelhecimento da cachaça Armazém Vieira são supervisionados e aprovados pelo Ministério de Agricultura.

Calendário Degustações:

14/02 – Krantz Geléias e Suco de uva Erpro

15/02 – Restaurante Estação 261 e cachaça Armazém Vieira

1602 – Nugali Chocolates

17/02 – Fazenda Marinha Atlântico Sul (ostras) e cachaça Armazém Vieira

Horário da Mostra: 14h às 22h

Horário Degustações: 19h

spot_img
spot_img

Leia mais

spot_img