18.6 C
fpolis
domingo, julho 3, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Florianópolis sedia finais do estadual de voleibol feminino

Florianópolis sedia finais do estadual de voleibol feminino

spot_imgspot_img

As finais na categoria Infantil e Infanto-juvenil do campeonato Catarinense de Voleibol Feminino serão disputadas em Florianópolis durante as duas próximas semanas. Entre os dias 19 e 21 de novembro, as seis equipes finalistas do estadual Infantil disputarão no Ginásio da Cimed (Capoeirão). Os times Back/AABB/Florianópolis, Bluvolei, EV Naja Marcial/SME Xanxerê, Adesc/Braço do Norte, Nova Trento/Esteio/Tim/Unifebe e AD Guaraciaba serão divididos em duas chaves, de onde sairão os cruzamentos finais.

Já a final do estadual Infanto-juvenil é formada por cinco equipes, jogando todas contra todas nos dias 26, 27 e 28 de novembro. Os times Back/AABB/Florianópolis, Bluvolei, AVC/Camboriu/FME/Cecam/EspaçoSaúde/Keka, ASBV/FMD/Condor e Nova Trento/Esteio/Tim/Unifebe jogarão no Ginário Municipal Carlos Alberto Campos, no Estreito.

O supervisor das equipes de Florianópolis, Fabiano Souza Pereira, diz que é uma grande honra para a cidade recepcionar as duas finais e analisa as condições dos times. “Na categoria Infantil, temos mais chances de chegar entre os três primeiros colocados, pois o grupo é jovem e vem se dedicando muito”, afirma. “Para a categoria Infanto-juvenil, jogamos com a mesma base, incluindo apenas duas atletas na idade limite, 17 anos. A expectativa para as duas categorias é medalhar, ficando entre os três primeiros do Estado”, completa.

SC é destaque no cenário nacional

Fabiano explica que o estado possui o melhor voleibol de base do país. “Prova disso é sermos campeões brasileiros no Infanto-juvenil e Juvenil feminino nos últimos anos, tendo todas as regiões do estado jogando voleibol”. O supervisor ressalta que a quantidade de competições disputadas em Santa Catarina é o grande diferencial do estado. “Só na categoria Infantil foram realizados 44 jogos oficiais pela Federação Catarinense de Voleibol este ano. A categoria Infanto-juvenil realizou outros 30 jogos oficiais”, contabiliza.

Fabiano acrescenta que as atletas jogam também competições organizadas pelo Governo do Estado, como a Olimpíada Estudantil de Santa Catarina (Olesc) e os Joguinhos Abertos – o que soma mais de 100 jogos por ano em cada categoria. “Todos os anos outros estados levam atletas nossas tornando o voleibol catarinense uma vitrine para os novos talentos”, afima. Neste campeonato, os destaques são as jogadoras de Nova Trento Rosamaria Montibeller, Simone Scherer e Marina Scherer, que já fazem parte da seleção brasileira de base.

spot_img