20 C
fpolis
sábado, maio 28, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Floripa vai sediar o Festival de Stand Up Paddle na Praia Brava

spot_img

Floripa vai sediar o Festival de Stand Up Paddle na Praia Brava

spot_imgspot_img

Os principais atletas da modalidade de SUPSURF no Brasil estarão presentes no Festival Cidade Florianópolis de Stand Up Paddle, dia 27 de dezembro, na Praia Brava

O esporte que é febre no Hawaii, e está se expandindo cada vez mais no mundo afora, chega à Capital catarinense com o Festival Cidade Florianópolis de Stand Up Paddle. Com organização e produção da BRUMBRASIL, o evento tem como objetivo popularizar a modalidade de Stand Up Paddle (surf com remo) e divulgar Florianópolis como um destino para eventos esportivos.

Segundo o organizador do evento, Tanio Barreto, surfista profissional, radicado em Florianópolis desde 1998, os esportes de aventura têm atraído cada vez mais a atenção, instigando o aparecimento de uma verdadeira legião de novos adeptos, o que indica o surgimento de um grande público consumidor. “Os eventos esportivos são grandes ferramentas de divulgação de destinos e marcas, levando desenvolvimento industrial e comercial. Floripa já está na rota dos campeonatos mundiais de surf, nada mais natural passar a sediar também eventos de SUPSURF”, defende Tanio Barreto.

Com o patrocínio da Mormaii, Skol e Fusion Energy Drink, o Festival Cidade Florianópolis de Stand Up Paddle será realizado na Praia Brava, dia 27 de dezembro, das 8h às 20h, com a presença de campeões brasileiros e mundiais, como Renato Wanderley, Leco Salazar e Dudu Shultz. A premiação será de R$ 10 mil para o primeiro lugar, mais quites da Mormaii.

SUPSURF no Brasil e no mundo

O Stand Up Paddle foi utilizado pela primeira vez no Hawaii pelos famosos beachboys e já percorreu um longo caminho desde as suas raízes. É consenso geral entre os historiadores que o surf dos beachboys com remos superdimensionados e tábuas como prancha era utilizado, na praia de Waikiki, para tirar fotos de turistas que queriam aprender a surfar. Na década de 90, Laird Hamilton reintroduziu o esporte de Stand Up Paddle como uma atividade de condicionamento físico fenomenal, independentemente das condições do mar.

No Brasil, o SUP chegou no ano de 2000 por intermédio de dois surfistas (Jorge Pacelli e Haroldo Ambrósio), trazendo equipamentos mais modernos. Logo após, esse interesse foi crescendo e se tornou febre, sendo praticado em praias do Rio de Janeiro, São Paulo, no sul do País, e em lagos e rios de Brasília.

A modalidade Stand Up Paddle Wave tem como objetivo unir as habilidades e possibilidades de desempenho do surf clássico e moderno com o uso do remo. Desta forma, pretende-se que as potencialidades e características do equipamento (prancha e remo) sejam usadas em uma onda. Assim, somente surfar a onda sem o auxilio do remo não é o pretendido pelo Stand Up Paddle.

Os atletas

Renato Wanderley: Campeão Santista de SUP 2011 e 3º colocado no mundial que foi realizado na praia de Maresias no litoral paulista 2011. Além dos prêmios, Renato chegou a fazer parte da elite do surf Mundial – World Tour (WT).

Leco Salazar: Vice-campeão mundial de SUP. Filho do lendário surfista Picuruta Salazar, Leco também sabe competir com uma técnica apurada. Em 2010, ele venceu a prova brasileira em Imbituba, e neste ano levou novamente o Brasil para o alto do pódio Mormaii International Stand Up World Tour.

Dudu Shultz: Campeão da Copa do Mundo de Windsurf Slalom Etapa Aruba, em 1999, campeão do Campeonato Brasileiro de Wave Windsurf, em 1999, campeão do 1º Campeonato Brasileiro de Kite, em 2000, e campeão do Festival Vivo Point do Riozinho de Windsurf, Kitesurf e Stand Up, em 2009. Porém, mais importante do que os títulos, são as iniciativas de Dudu. Em 1998, ele foi o percursos do Kitesurf no Brasil e foi um dos primeiros atletas no mundo a apostar nesse esporte. Dudu também pratica tow-in, windsurf, e começa a apresentar bons resultados no Stand Up Paddle.

SERVIÇO

O que: Festival Cidade Florianópolis de Stand Up Paddle

Onde: Praia Brava

Quando: 27 de dezembro, das 8h às 20h

spot_img