23 C
fpolis
segunda-feira, novembro 29, 2021
cinesytem

Jornada de Gênero, Teatro e Cinema traz filme “Rio da Lua” nesta sexta-feira

spot_img

Jornada de Gênero, Teatro e Cinema traz filme “Rio da Lua” nesta sexta-feira

spot_img

O Grupo de Estudos Teatro e Gênero promove nesta sexta, 07/10, a Jornada de Gênero, Teatro e Cinema. O evento, que acontece na Fundação Cultural Badesc, às 19h e é gratuito, terá a exibição do filme Rio da Lua (2005), indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro, e debate com Isadora Vier Machado e Anahi Guedes de Mello, ambas alunas de pós-graduação da UFSC.

O filme

Rio da Lua retrata a Índia dos anos 30, através da história de uma menina de oito anos, que ao ficar viúva, se vê obrigada a cumprir regras que a cultura hinduísta lhe impõe: é mandada pelos pais para viver em reclusão com outras viúvas, as quais, segundo o Hinduísmo, têm sua vida amputada com morte do marido, não podendo casar-se novamente, devendo viver isoladas pelo resto dos seus dias. O filme propõe um questionamento a cerca da religião, a sociedade e os direitos e papéis das mulheres na sociedade indiana.

Sob a direção de Deepa Mehta, o filme completa a trilogia da diretora sobre os elementos da natureza. Em 1996, ela realizou Fire (Fogo), em 1998, fez Earth (Terra) e, em 2005, este, Water (Água). O filme é uma co-produção que envolveu dois países: Índia e Canadá.

Duração: 114 min.
Tipo: Longa-metragem/colorido

Convidadas para o debate:

Isadora Vier Machado é Graduada em direito pela Universidade Estadual de Maringá, Mestre em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (área de concentração: Direito, Estado e Sociedade). Doutoranda, pelo Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas, da Universidade Federal de Santa Catarina (área de concentração: Estudos de Gênero). Com experiência na temática de violência conjugal, Lei 11.340/06 (Lei Maria da Penha) e violências psicológicas.

Anahi Guedes de Mello é Graduada em Ciências Sociais pela UFSC, mestranda em Antropologia Social pela UFSC, pesquisadora do Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades (NIGS) e do Núcleo de Estudos sobre Deficiência (NED). Desenvolve pesquisas articulando deficiência, gênero, sexualidades e violências.

Jornadas de Gênero, Teatro e Cinema:

são realizadas mensalmente e têm a finalidade de discutir questões de gênero por meio da análise de obras teatrais e cinematográficas. A cada sessão recebemos uma convidada para discutir a obra apresentada, por meio da perspectiva dos estudos de gênero. Apesar do caráter acadêmico do evento, ligado a linha de pesquisa Linguagens Cênicas, Corpo e Subjetividade do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da Udesc, sua realização em um espaço cultural no centro da cidade de Florianópolis, com acesso gratuito, visa a promover a experiência estética com obras de vanguarda pouco difundidas nos meios de comunicação habituais, a divulgação da pesquisa universitária na comunidade, e receber desta mesma comunidade suas impressões sobre temas que alimentam a pesquisa acadêmica e, muitas das vezes, lhe dão maior sentido e relevância.

Promoção:
Grupo de Estudos Teatro e Gênero – Projeto Pesquisa Poéticas Feministas. Coordenação Profa. Dra. Maria Brígida de Miranda (Cênicas/Ceart/Udesc).

Apoio:
Fundação Cultural Badesc, R. Visconde de Ouro Preto/216 – Florianópolis, 3224-8846
Organização:
Maria Brígida de Miranda (Ceart/Udesc)
Fátima Costa de Lima (Ceart/Udesc/CIN-Unisul)
Janaina Träsel Martins (CCE-UFSC)

spot_img
spot_img