17.8 C
fpolis
quinta-feira, dezembro 9, 2021
cinesytem

Lixo Zero: Hippo é pioneiro na implantação do projeto em SC

spot_imgspot_img

Lixo Zero: Hippo é pioneiro na implantação do projeto em SC

spot_img

Rede de supermercados reaproveita 97% dos resíduos sólidos, desviando de aterros sanitários. A expectativa é alcançar a meta de 100% de reaproveitamento nas duas lojas até 2014.

O Hippo Supermercados, primeiro supermercado catarinense a implantar um programa de reaproveitamento de resíduos sólidos, recicláveis e de gordura saturada no estado, continua a frente quando o assunto é desviar o lixo dos aterros sanitários. A rede de supermercados, de Florianópolis, também foi a primeira a aderir ao programa “Supermercado Lixo Zero 2020” da Acats (Associação Catarinense de Supermercados) que tem como desafio fazer com que todos os supermercados do Estado reaproveitem 100% dos resíduos gerados por seus estabelecimentos até 2020. O Hippo já está quase lá. O supermercado de Florianópolis possui certificado internacional de reaproveitamento de 97% dos resíduos para a unidade da Almirante Alvim e de 87% para a loja da Almirante Lamego. “A expectativa é que a meta de 100% seja atingida nas duas lojas até 2014”, explica a assessora de marketing do Hippo, Tatiane Pereira.

E, para alcançar a meta de 100%, o Hippo tem desenvolvido diversas ações. Entre elas, a criação de uma comissão para acompanhar o Plano de Gerenciamento de Resíduos que tem como objetivo multiplicar a ação junto aos colaboradores; a aquisição de mais materiais e equipamentos necessários ao processo de separação de lixo; bem como a disponibilização de recipientes para destinar vidros, plásticos, metais, papéis, óleos de cozinha, pilhas e baterias. Além disso, os funcionários recebem treinamento especial e ações de incentivo.

Hoje, diversas instituições estão diretamente ligadas ao processo de reaproveitamento de resíduos do Hippo. Dos resíduos orgânicos gerados no local, o Hippo possui uma parceria com a Associação Orgânica da Universidade Federal de Santa Catarina, responsável pela compostagem dos resíduos. O adubo gerado é doado a creches e associações que ensinam comunidades a montar uma horta. Parte deste adubo gerado pelo processo é ensacado e entregue nas duas lojas do Hippo aos clientes fidelizados e podem ser trocados por aqueles que utilizam sacolas retornáveis.

O Hippo também recupera todo o papelão e plástico que é recolhido por um representante da Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Florianópolis, cuja renda é revertida aos integrantes, geralmente moradores de áreas carentes do município. A gordura saturada é recolhida pelo programa Reóleo da Acif – Associação Comercial e Industrial de Florianópolis que o utiliza na fabricação de produtos de limpeza como detergente, água sanitária, sabão em pasta e sabão em pedra. Os produtos são doados as entidades carentes do entorno do supermercado.

O excedente de frutas e verduras é encaminhado ao programa SESC Mesa Brasil que atua no combate à fome e redistribui para entidades carentes. Já as sobras de carnes, gordura e ossos do açougue são congelados e recolhidos semanalmente para a produção de ração animal.

spot_img
spot_img