15.9 C
fpolis
sexta-feira, julho 1, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Mostra Chopin 2010 no Paradigma Cine Arte

Mostra Chopin 2010 no Paradigma Cine Arte

spot_imgspot_img

O Paradigma Cine Arte traz com exclusividade pra Florianópolis a MOSTRA CHOPIN 2010 em comemoração ao 200º aniversário de nascimento do compositor polonês Chopin.

Com o apoio do CONSULADO GERAL DA POLÔNIA – CURITIBA , o Paradigma Cine Arte vai exibir a partir da proxima segunda-feira dia 22 de novembro um total de 7 filmes que retratam a vida e obra de Chopin, serão exibidos 4 filmes curta-metragem e 3 filmes longa-metragem entre os dias 22/11/2010 e 25/11/2010 , as sessões serão sempre as 20:00 Horas e com ENTRADA FRANCA, em versão original em polonês com legendas em português e exibiçao em digital (Classificação 12 anos para todos os filmes )

Paradigma Cine Arte vai trazer com exclusividade pra Florianópolis o FESTIVAL DE CINEMA POLONES 2010 com a exibiçao de 9 filmes especialmente selecionados entre os dias 29/11/2010 e 09/12/2010 as sessões serão sempre as 20:00 Horas e com ENTRADA FRANCA, em versão original em polonês com legendas em português e exibiçao em digital (Classificação 12 anos para todos os filmes ), em breve enviarei mais informaçoes sobre este evento.

Calendario do evento e sinopses dos filmes se encontram abaixo.

Mostra Chopin 2010

Calendário :

22 Novembro 2010 – Segunda-feira

19:30 Abertura

20:00 Filmes: Chopin em Paris + Varsóvia de Chopin + Estudos Coloridos de Chopin + Natural de Varsóvia

23 Novembro 2010 – Terça-feira

20:00 Filme: A Vontade de amar

24 Novembro 2010 – Quarta-feira

20:00 Filme: Juventude de Chopin

25Novembro 2010 – Quinta-feira

20:00 Filme: A noite que sonhamos

SINOPSES :

A NOITE QUE SONHAMOS (1945 – 112’). Direção: Charles Vider

Inicialmente Chopin é apresentado como uma criança prodígio tocando uma peça de Mozat, mas pára de tocar quando ouve, através da janela, as notícias de que o povo polonês foi feito prisioneiro pelas autoridades russas. O filme também mostra Chopin fazendo parte de atividades dirigidas ao salvamento da Polônia, com seus amigos. Se destaca o patriotismo como o maior motivo para Chopin tocar piano.

A JUVENTUDE DE CHOPIN (1952 – 121’ – preto&branco). Direção: Aleksander Ford.

Um filme musical, histórico, biográfico. Nesta abordagem o compositor torna-se um personagem muito “humano” e próximo, ligado ao específico período histórico, que o inspira em sua criatividade musical. A apresentação do complicado mundo interior do artista, a complexa imagem psíquica de Chopin, foi uma tarefa incrivelmente difícil e responsável. Excelentes interpretações de obras de Chopin, Bach, Mozart e Paganini enriqueceram o filme.

A VONTADE DE AMAR (2002 – 123’ – colorido). Direção: Jerzy Antczak.

Uma história que ultrapassa os limites do tempo sobre a impossibilidade de entendimento entre as pessoas, sobre seu desesperado desejo de amar, que é tão difícil de conquistar e tão fácil de perder. Em conseqüência, todos os personagens perdem no final. Somente a imortal música de Chopin sai vitoriosa…

A VARSÓVIA DE CHOPIN (2010 – 30’ – colorido). Direção: Kordian Piwowarski

Fryderyk Chopin morou em Varsóvia durante 20 anos. Estão aqui muitos lugares associados a ele. A residência onde vivei a família Chopin, a Universidade de Varsóvia onde se formou, igrejas e as salas dos palácios onde ser apresentou, os cafés onde frequentou e ainda, a igreja da Santa Cruz, onde de acordo com o último desejo de Chopin, repousa o seu coração.
Apesar do passar dos anos, a destruição de Varsóvia durante a II Guerra Mundial, muitos destes lugares se salvaram e estão localizados da Av. Krakowska Predmieści.
O filme apresenta estes lugares como são hoje e leva o espectador para uma viagem ao século XIX, ou seja, lugares que o jovem compositor conheceu.

CHOPIN EM PARIS (1969 – 15’ – p&b).Direção: Stanisław Grabowski.

Mesmo que o túmulo de Chopin encontra-se no cemitério parisiense Père-Lachaise, seu coração descansa na igreja de Santa Cruz em Varsóvia. O filme apresenta os passos, não apagados, da presença de Chopin em Paris, a cidade que se tornou sua segunda casa depois da sua saída da Polônia 1830. Junto com a câmera fazemos um passeio sobre a capital contemporânea da França, em busca dos lugares onde Chopin morava, tocava, editava novas peças, encontrava com os amigos.

ESTUDOS COLORIDOS DE CHOPIN (1937 – 11’ – p&b). Direção: Eugeniusz Cękalski

Uma fantasia de imagens sobre as três peças de Fryderyk Chopin: Noturno op. 15 nº2, Mazurca op. 7 nº3 e Estudo Revolucionário. A música é acompanhada por imagens da natureza, dança, rotações de figuras e cubos geométricos. Particularmente impressionante é a terceira parte, com fundo musical do Estudo Revolucionário. Os acordes crescentes dramaticamente juntam-se as imagens de explosões de chamas. Foram utilizadas as fotos de soldados e bombardeios flamejantes.

NATURAL DE VARSOVIA (1995 – 56’ – colorido). Direção: Maria Kwiatkowska.

Uma montagem cuidadosamente elaborada sobre a história de Concursos Internacionais de Chopin em Varsóvia desde o seu início até o ano de 1995. Para a realização do filme foram utilizados muitos materiais de arquivos como: fotos, fragmentos de crônicas e outras filmagens.

spot_img