22.6 C
fpolis
domingo, novembro 28, 2021
cinesytem

Paraibano Alan Saulo vence o Florianópolis Pro Surfing 2011

spot_img

Paraibano Alan Saulo vence o Florianópolis Pro Surfing 2011

spot_img

O argentino Leandro Usuna mantém a liderança do ranking latino e o catarinense Cauê Wood é o melhor brasileiro ocupando a quinta posição

Encerrou neste domingo a edição comemorativa de 20 anos do Florianópolis Pro Surfing 2011, válido também pelo Circuito Latino Americano de Surf Profissional, que pela primeira vez foi realizado em Santa Catarina, e reuniu 73 surfistas de seis paises numa competição muito disputada na paradisíaca Praia Mole durante este fim de semana.
As condições do mar melhoraram em relação ao sádabo, e as ondas estavam na faixa de um metro com séries maiores e boa formação, proporcionando manobras iradas para o delírio da galera que compareceu as areais da Praia Mole.
A competição foi bem disputada até a grande final do Florianópolis Pro Surfing 2011, que foi emocionante. A briga foi homem a homem entre o catarinense Guilherme Ferreira e o paraibano Alan Saulo. A liderança se alternou a cada onda surfada, e no final da bateria, restando um minuto para o término, Alan Saulo que liderava naquele momento vê Guilherme Ferreira achar uma última onda, que precisando de 6,50 para vencer.Finalizada a bateria, alguns minutos de expectativa para ser anunciado o resultado, deixou ambos apreensivos, mas saiu a nota e Guilherme acabou batendo na trave, fazendo 6,35 pontos, para alívio e alegria de Alan Saulo que foi grande campeão do Florianópolis Pro Surfing 2011. Alan venceu somando 12,97 pontos contra 12,80 pontos de Guilherme Ferreira.
“Este foi o evento da minha vida com certeza, ainda não caiu a ficha.Eu conversava com meus amigos antes das baterias, sempre na brincadeira dizendo que iria das altos aéreos, mas no fundo dizendo a verdade.Acabei passando o evento inteiro assim.O que me motivou muito foi a vitória em cima do Gustavo Araújo, que para mim, era o favorito do campeonato. No final da bateria o Guilherme pegou uma boa onda, mas eu fiquei tranquilo, eu já tinha feito o meu trabalho, e só restava deixar nas mãos dos juizes decidirem, e deu tudo certo, consegui vencer e estou muito feliz, agora é voltar pra casa e comemorar com a minha família e meus amigos”,declarou o paraibano muito empolgado com a segunda vitória no Circuito Latino Americano de Surf Profissional. Alan já havia vencido a etapa de San Bartolo no Peru e com mais está vitória sobe para décimo oitavo no ranking latino.
O Florianópolis Pro Surfing 2011 distribuiu U$ 20.000 dólares de premiação e 6.000 pontos para o ranking do Circuito Latino Americano de Surf Profissional que encerra de 9 a 11 de dezembro, em Los Caracas na Venezuela, e define os campeões latinos da temporada 2011.
Os recordes da competição foram do paulista Robson Santos, fazendo 9,33 pontos na melhor nota da competição, e 16,56 pontos com a maior somatória nas suas duas melhores ondas da primeira bateria do terceiro round da competição.
A liderança do ranking latino continua com o argentino Leandro Usuna somando 30.846 pontos, que chegou até as semifinais e acabou sendo derrotado pelo campeão Alan Saulo. O melhor brasileiro na circuito ainda é o catarinense Cauê Wood que ocupa a quinta colocação do ranking com 21.484 pontos.
A Fecasurf juntamente com o Salva Surf Brasil, agradecem a todos que contribuiram para a realização de mais um grande evento que nesta edição comemorou 20 anos de sucesso.
“Primeiramente, é uma grande satisfação pessoal poder estar realizando este evento por 20 anos, e que tem uma hístoria muito legal com a cidade.Gostaria muito de agradecer todos os grandes parceiros e marcas de surfwear que fizeram parte de história de sucesso, principalmente ao Governo do Estado e a Prefeitura Municipal de Florianópolis, que sempre nos apoiaram muito”,declarou Bira Schauffert, organizador do evento.“Espero ter saúde para continuar a realizar este projeto contando sempre com o apoio fundamental da Fecasurf.Fico muito feliz de poder estar aqui dividindo essa alegria com todos vocês”, completou Bira, muito feliz com mais um grande evento realizado.
OFlorianópolis Pro Surfing 2011é patrocinado pelo Governo do Estado de Santa Catarina, Secretária de Estado do Turismo, Cultura e Esporte, o apoio da Prefeitura Municipal de Florianópolis, Fundação Municipal de Esportes, Eco Village, e realização da Fecasurf juntamente com o Salva Surf Resgate, ALAS – Asociación Latino Americana de Surfistas Profesionales e ASPM – Associação de Surf da Praia Mole, com a promoção da Rádio Atlândida FM.
Resultado Florianópolis Pro Surfing 2011
1º – Alan Saulo (BRA-PB)
2º – Guilherme Ferreira (BRA-SC)
3º – Leandro Usuna (ARG)
3º – Alandreson Martins (BRA-BA)
5º – Alex Riberio (BRA-SP)
5º – Beto Mariano (BRA-SC)
5º – Gustavo Araújo (BRA-SP)
5º – Jeferson Duarte (BRA-SC)
Ranking ALAS – Categoria Open
1º – Leandro Usuna (ARG) 30.846 pontos
2º – Marcelo Rodriguez (ARG) 29.334
3º – Martin Passeri (ARG) 24.530
4º – Lucas Santamaria (ARG) 23.152
5º – Cauê Wood (BRA) 21.484
6º – Ernesto Nunes (BRA) 20.010
16º – Beto Mariano (BRA) 14.918
18º – Alan Saulo (BRA) 14.392
spot_img
spot_img