18.9 C
fpolis
sábado, maio 28, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Pré-lançamento nacional e fórum político abrem a programação da 10ª Mostra de Cinema Infantil

spot_img

Pré-lançamento nacional e fórum político abrem a programação da 10ª Mostra de Cinema Infantil

spot_imgspot_img

Discussão de políticas para o cinema infantil e pré-lançamento de “Tainá 3, a origem”, estão na programação desta sexta-feira (24) na 10ª Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis. Tainá é uma série cinematográfica que tem feito uma das maiores bilheterias nas salas de cinema no Brasil

Pela manhã, das 8h30 às 12h30, todas as atenções dos profissionais ligados ao cinema estarão voltadas para o 7º Encontro Nacional do Cinema Infantil, no Hotel Majestic. Produtores, diretores, exibidores e dirigentes se reúnem com a Secretária do Audiovisual do Ministério da Cultura, Ana Paula Dourado Santana. Em debate: produção, fomento e mercado para o Audiovisual.

Entre as questões principais, duas perguntas certamente vão estar na ordem do dia: Por que o cinema voltado para a infância ainda recebe pouco incentivo do Governo? Por que sendo o cinema para as crianças formador de plateia para o cinema nacional, não faz parte de um plano estratégico de fortalecimento da produção brasileira?

Entre os convidados para o encontro, os produtores Diler Trindade e Pedro Rovai. Diler é o produtor dos filmes da Xuxa, de Renato Aragão e da Turma da Mônica. Rovai, lançou o Tainá em 2001 e desde então investe com sucesso na continuação deste personagem carismático.

O encontro é uma parceria da 10ª Mostra com o Santacine (Sindicato da Indústria Audiovisual de Santa Catarina) que realizará uma reunião privada, às 14h30, com os convidados e os associados que se inscreverem pelo e-mail: santacine@santacine.com.br

TAINÁ 3

Com direção de Rosane Svartman, “Tainá 3, a origem” é um dos destaques da edição deste ano do festival. O filme será exibido pela primeira vez em uma sessão pública, nesta sexta, às 15h, no Teatro Pedro Ivo, com a presença da diretora e de do produtor Pedro Rovai.

O longa conta a história de Tainá, filha da jovem índia Maya que foi vitimada na luta com piratas de biodiversidade que invadem a Floresta Amazônica. No confronto, a bebê Tainá fica órfã e é abrigada entre as raízes da Grande Árvore. A criança é salva pelo velho e solitário pajé Tigê. Aos cinco anos de idade, Tainá parte para descobrir sua própria origem, seguindo a trilha de Maya em defesa da Amazônia.

spot_img