23.8 C
fpolis
segunda-feira, setembro 27, 2021
cinesytem

Projeto “Tá ligado?” estimula combate ao desperdício e ensina noções de limpeza

spot_img

Projeto “Tá ligado?” estimula combate ao desperdício e ensina noções de limpeza

spot_img

Atividades lúdicas de conscientização acontecem até sexta-feira, 18, em Florianópolis

Poderia ser algo comum para alguns ao terminar a refeição limpar vestígios dos alimentos, ou passar um pano no chão que acabou de ser sujo, mas para muitos não é bem assim. O meio em que se vive determina, e muito, o comportamento que um indivíduo tem diante de determinada situações. O projeto “Tá ligado?!”, da FUCAS, entidade de assistência social, objetiva que jovens exercitem noções de combate ao desperdício de alimentos, higiene, aproveitamento do lixo, reciclagem, solidariedade, ética e respeito. As ações educativas de conscientização do projeto, que iniciaram nessa semana, terminam na sexta-feira (18).

O projeto – A idéia é que jovens do Morro da Caixa, comunidade atendida pelo projeto da FUCAS, se sensibilizem com questões do cotidiano, e passem a encarar fatos antes não observados, com outro olhar. “Antes eles (jovens) viam uma mesa suja e não se importavam, hoje um colega cobra do outro a limpeza do recinto”, conta Deize Borges, uma das psicopedagogas responsáveis pela elaboração do projeto. Uma equipe de profissionais, entre elas psicóloga, assistente social, pedagogas e psicopedagogas, realizaram o projeto que já demonstrou resultados.

As atividades – Para sensibilizar esses jovens, serão realizadas atividades coletivas entre os participantes dos projetos da ONG. Uma delas será sobre o desperdício, quando os jovens, depois de se alimentaram, farão a pesagem numa balança dos restos dos alimentos que sobraram nos seus pratos. “O objetivo é mostrar aos adolescentes o quanto custa o alimento e quantas pessoas poderiam ser alimentadas com o que sobrou nos pratos”, ilustra Deize. Noções de reciclagem e aproveitamento de material também serão ensinadas.

Além de colocarem a mão na massa, limpando, inclusive, aquilo que não foi sujo por eles, os adolescentes participarão de atividades como jogo da memória, caça-palavras, vídeos e jogos educativos. Temas como o quanto os órgãos públicos gastam para remover chicletes em pontos de ônibus, calçadas, entre outros, também serão debatidos. Haverá também uma exposição de materiais reciclados, onde foram convidadas creches e instituições que atendem crianças no entorno do Morro da Caixa.

spot_img
spot_img

Leia mais