fique por dentro de floripa

- Política - Raimundo Colombo foca nos catarinenses os primeiros seis meses de Governo

07.07.2011

Raimundo Colombo foca nos catarinenses os primeiros seis meses de Governo

07.07.2011
 Raimundo Colombo foca nos catarinenses os primeiros seis meses de Governo
Foto:

Projetos em Saúde, Educação, Segurança Pública e Infraestrutura, com
vistas ao desenvolvimento econômico do Estado, foram os objetivos do
governador Raimundo Colombo nos 180 dias frente ao Governo. “Enfrentamos
várias dificuldades nesses primeiros seis meses, mas seguimos firmes na
busca em atender bem a população catarinense”, observou Colombo.

O governador salientou que ainda está no processo de conhecer o Governo e
que, para isso, visita os municípios catarinenses com o “Projeto Governar
o Governo”, conhece as prioridades e anseios da população dos 293
municípios do Estado. Reduzir custos é uma das bandeiras do governador.
Segundo Colombo, dessa maneira será possível alcançar resultados. “Com
parcerias e somando forças é que vamos realizar o melhor pelo nosso povo”,
declarou.

Ações dos 180 dias - Dentre as ações, Colombo destacou obras como a
duplicação da SC-401; SC-405; estudos para melhoria na mobilidade urbana;
a busca por soluções para o sistema prisional e para os centros
educacionais para adolescentes. Melhorias nos aeroportos do Estado e
pavimentações foram citados como prioridades que estão em andamento. Junto
ao Governo Federal, Raimundo Colombo solicitou agilidade e empenho para as
obras de duplicação da BR 470. “São obras imprescindíveis para o
desenvolvimento de Santa Catarina. Vamos monitorar o andamento de todos os
processos e o cumprimento de término das obras”, disse o governador,
explicando que não tem obras paradas no Estado.

Na área da Saúde, o governador informou que um dos projetos é realizar
mais de 20 mil cirurgias seletivas. Para isso, todos os hospitais do
Estado, em condições de realizar esses procedimentos, deverão participar.
“A saúde não pode esperar. Com essa ação, pretendemos dar solução a
problemas de milhares de catarinenses”, falou. Colombo assinou decreto que
isenta a cobrança do ICMS em medicamentos para o tratamento de câncer.
Hospitais estão recebendo melhorias, como os Hospitais Regionais Terezinha
Gaio Basso, em São Miguel do Oeste; Hospital Regional de Biguaçú, Hospital
Santa Isabel, de Blumenau. “Ainda temos muito que fazer. Vamos buscar
metas para melhorar o quadro atual. O hospital é um bem público. Por isso,
devemos ser eficientes em dar o melhor atendimento à população”, disse.

Com relação à Segurança Pública, o governador disse que está empenhado em
resolver o problema da falta de policiais. “Em aproximadamente dois meses,
465 soldados estarão nas ruas. Outros 465 estão passando pelo processo de
formação e até o fim do ano estarão trabalhando”, afirmou. Um novo Centro
Socioeducativo da Grande Florianópolis, o São Lucas, será construído, com
um investimento de R$ 6 milhões.

Na infraestrutura, destacam-se investimentos de R$ 376,6 milhões em
recuperação e revitalização de 1,9 mil quilômetros de rodovias, em todas
as regiões do Estado. Essas obras fazem parte do Programa de Recuperação e
Revitalização de Rodovias.

Para a Educação, Colombo destacou o andamento das obras de reforma,
ampliação, construção de novas unidades, que ultrapassam 200 em todo o
Estado. Conforme o governador, projetos estão sendo elaborados para
fortalecer o ensino profissionalizante, seja por meio de convênios com o
Sistema S (Senai, Senar, Senac, Sesi), com empresas, com prefeituras, com
organizações não governamentais e também com a implantação de escolas de
ofício. “Também estamos investindo no Ensino Superior, que deverá
absorver, até o fim do ano, recursos da ordem de R$ 67,5 milhões”,
declarou.

Um dos motivos que impediu alguns avanços na área da Educação foi a greve
dos professores. “Negociamos, estivemos abertos ao diálogo com os
professores. Mas temos que respeitar os limites financeiros do Estado.
Mesmo assim, vamos pagar o piso nacional e nos propomos a reestruturar a
carreira do professor”, afirmou.

Outra ação do Governo foi apoiar o desenvolvimento local realizado por
instituições filantrópicas nos municípios. Através da Secretaria Executiva
de Supervisão de Recursos Desvinculados foi liberado neste ano mais de R$
2 milhões para instituições que tenham relevância no cenário municipal e
regional, sejam culturais, esportiva, educacional ou qualquer outra
iniciativa de desenvolvimento regional filantrópica.

O governador buscou novos empreendimentos para Santa Catarina em viagem na
Alemanha, Portugal, Espanha e Suíça. “Foi uma viagem muito positiva, já
que fechamos alguns negócios e abrimos o relacionamento com outros grandes
empreendimentos que devem se instalar em Santa Catarina”, analisou o
governador.

Segundo Colombo, nesses seis meses foram avaliados projetos, ações e
contratos. “Realizamos um amplo diagnóstico, um verdadeiro raio X de tudo
que é gasto, como é gasto. Nesses encontros decidimos grande parte das
nossas prioridades para os próximos quatro anos”, finalizou o governador,
acrescentando que muito ainda será feito para a melhoria em todas as
áreas.

Conteúdos relacionados

Ver mais conteúdos

Eleições municipais de 2020 traz avanço da comunidade LGBTI+ na política de Florianópolis

19.11.2020

Eleições municipais de 2020 traz avanço da comunidade LGBTI+ na política de Florianópolis

Deputado Bruno Souza defende o retorno imediato das aulas em audiência pública

19.11.2020

Deputado Bruno Souza defende o retorno imediato das aulas em audiência pública

Faltam 3 dias para o debate com todos os candidatos à Prefeitura de Florianópolis: confira as regras

09.11.2020

Faltam 3 dias para o debate com todos os candidatos à Prefeitura de Florianópolis: confira as regras

Saiba mais sobre Florianópolis no deolhonailha.com.br O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.

Anuncie no portal.
Entre em contato.