20.5 C
fpolis
terça-feira, dezembro 7, 2021
cinesytem

Workshop debate os impactos da crise econômica sobre o empresariado na América Latina

spot_imgspot_img

Workshop debate os impactos da crise econômica sobre o empresariado na América Latina

spot_img

Com o tema “América Latina: Perspectivas depois da crise que atingiu o Capitalismo”, a UFSC promove o VII Workshop Empresa, Empresários e Sociedade. O evento é organizado anualmente por uma rede nacional de pesquisadores das ciências sociais que se reúnem para analisar o universo empresarial em suas diversas dimensões. Neste ano, o foco são as consequências da crise econômica sobre os empresários, na ótica de renomados especialistas nacionais e internacionais.

As conferências acontecem no Centro de Cultura e Eventos e auditório do CFH, de 25 a 28 de maio. As relações de longo prazo entre o empresariado mexicano e o Estado e as repercussões da crise financeira internacional sobre a organização dos empresários, será o tema da conferência de abertura, com o professor Carlos Alba, do Centro de Estudos Internacionais do Colégio do México. Trata-se da conferência “Los empresarios, la política y la crisis en América Latina: el caso de México”, que será proferida na terça-feira, dia 25, às 19h30, no Centro de Eventos da UFSC.

As perspectivas para a América Latina depois da crise que atingiu o capitalismo desde 2008 serão analisadas, sob diversos ângulos, em sete mesas temáticas e sete grupos de trabalho durante o evento. Na sua conferência, Alba irá analisar as diversas estratégias de ação política do empresariado, como a agenda das organizações corporativas e a atuação direta de empresários nos processos eleitorais e junto ao Estado. O professor também pesquisa as formas de regulação social e política da economia informal, a partir do comércio no centro histórico da Cidade do México.

Carlos Alba apresentará resultados parciais dessa investigação na exposição “La globalización desde abajo en tiempos de crisis en América Latina: los vendedores ambulantes de la ciudad de México”. A comunicação acontecerá na quarta-feira à noite, no auditório do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH), em mesa temática que terá a presença do professor Sebastião Velasco Cruz, da Unicamp.

Três conferencistas, Marcos Ianoni, Lúcia Helena Alves Müller e Roberto Grün trazem pesquisas novas sobre o empresariado financeiro e suas conexões com o poder. Armando Dalla Costa apresentará um estudo inédito sobre a globalização de empresas brasileiras do setor de alimentação. “Jbs-Friboi, Brf-Brasil Foods e Marfrig: a internacionalização das empresas alimentares brasileiras no início do século XXI”.

A professora Eli Diniz, uma das pioneiras na investigação da atuação política do empresariado industrial, faz em seu estudo mais recente um balanço da atuação do setor em cinquenta anos, para concluir que “a última década está marcada por importante ponto de inflexão, cuja natureza deixa de ser econômica, caracterizando-se por uma dimensão essencialmente política”. Vários autores também analisarão a “responsabilidade social e ambiental” das empresas, preocupação permanente no meio empresarial e social.

Quanto ao tema principal do evento (os impactos da crise econômica sobre a América Latina), o pesquisador mexicano Carlos Alba, o argentino Alejandro Balazote, o italiano Stefano Palmieri e brasileiros como Sebastião Velasco e Cruz e Ana Maria Kirschner apresentarão estudos inéditos. A mesa de encerramento terá a presença de dois dos principais intelectuais do país: Francisco de Oliveira e Venício Lima, que falarão sobre a atuação do empresariado nas eleições deste ano.

O Workshop é uma das atividades que celebram os 50 anos da UFSC. É promovido pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política da universidade. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.nesfi.ufsc.br/7workshop/.

A coordenação geral do evento é do professor Ary Minella (fone 3721-9253). A programação completa está nos site www.nesfi.ufsc.br/7workshop/Mesas.html.

Quem é:

Carlos Alba é doutor em Ciência Política pela École des Hautes Etudes em Sciences Sociales (Paris). Professor convidado do Instituto da América Latina da Universidade Sorbonne Nouvelle (2001-2002) e investigador visitante no Center for U.S.-Mexican Studies, da Universidade da Califórnia em San Diego (1997- 1998). Membro do Conselho editorial da Tempo Social, revista de sociologia da USP. Coordenador do livro Democracia y globalización en México y Brasil (México, El Colegio de México, 2004), com Ilán Bizberg.

spot_img
spot_img