29.4 C
fpolis
domingo, janeiro 23, 2022
cinesytem

Ação contra a Dengue percorre praças da região central de Florianópolis

Ação contra a Dengue percorre praças da região central de Florianópolis

spot_img

Principais logradouros serão monitorados a cada 15 dias pela Secretaria Municipal da Saúde

As principais praças da região central de Florianópolis passam a ser monitoradas quinzenalmente pela equipes de Controle de Endemias da Secretaria da Saúde da capital. O objetivo é detectar e eliminar os locais em que possa haver acumulo d’ água, o que poderia se transformar em criadouro para o mosquito da Dengue. Os primeiros logradouros visitados foram a Praça XV de Novembro e a Praça Getulio Vargas, do Bombeiro. “ Vamos contar com a parceria da Secretaria do Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano e de outros órgão da Prefeitura nesta missão”, destacou o coordenador do Centro de Controle de Zoonoses do município, Alex Fabrin.

Ele lembra que ao todo existem espalhadas em Florianópolis 1531 armadilhas para captura de larvas do mosquito da Dengue. Este número é maior que o indicado pelo Ministério da Saúde, o que na avaliação do coordenador pode ser um dos motivos para que não haja casos da doença contraídos no município. A cada sete dias um Agente de Endemias visita estes locais para coleta e substituição da água. “Se for encontrada uma única larva do Aedes aegypti é feito o monitoramento de toda a área numa raio de 300 metros deste local com visitas a todos os imóveis”, destaca Fabrin.

Além disso, em 738 locais considerados estratégicos o monitoramento é feito a cada 15 dias e em toda área do imóvel. É nessa categoria que se incluem os cemitérios, borracharias, lojas e depósitos de materiais de construção e as garagens das empresas de ônibus interestaduais e as transportadoras. “Os veículos maiores podem trazer em seus bagageiros ou outros locais tanto a larva como o mosquito adulto de regiões onde a doença já é uma realidade”, conta o coordenador do CCZ.

Aeroporto

Nesta terça-feira as equipes de Controle de Endemias realizaram uma vistoria no aeroporto internacional Hercílio Luz. A exemplo do que ocorreu na Praça XV de Novembro e em outras ações do mesmo tipo no Terminal Rita Maria o objetivo era orientar a administração, funcionários e comerciantes para a importância da prevenção. Além disso foram verificados os pontos de risco na área da Dengue.

spot_img
spot_img