fique por dentro de floripa

- Economia e Negócios - Alta dos combustíveis faz inflação em Florianópolis voltar a subir em março

02.04.2019

Alta dos combustíveis faz inflação em Florianópolis voltar a subir em março

02.04.2019
Alta dos combustíveis faz inflação em Florianópolis voltar a subir em março
Foto: Carmelo Cañas / DeOlhoNaIlha / Arquivo

A inflação sentida pelos consumidores de Florianópolis voltou a subir em março (0,44%), depois de um mês de fevereiro em que ficou praticamente estável (-0,03%). No acumulado dos últimos 12 meses, o índice foi a 4,48%, ultrapassando a meta de inflação nacional para 2019, fixada pelo Banco Central em 4,25%.

Os números são do Índice de Custo de Vida (ICV), calculado mensalmente pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), por meio do Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag).

A alta mais significativa verificada pelo ICV/Udesc Esag foi a dos gastos com transportes (1,44%). Depois dos produtos de alimentação, esse grupo é o segundo com mais peso, representando quase 19% do índice. As despesas com transporte foram impactadas principalmente pela alta dos combustíveis, que subiram 4,74%.

Outros grupos de preços, ainda que com influência menor no índice geral (entre 10 e 13%), também tiveram alta acima da média do mês, como despesas pessoais (1,62%) e habitação (0,97%). Dentro desse último grupo, os aluguéis e taxas subiram 1,39%.

Na contramão dos demais grupos, os preços dos produtos de vestuário tiveram uma queda significativa, com variação de -3,13%. Se consideradas nesse grupo apenas as roupas (excluindo calçados e acessórios) a queda foi ainda maior (-4,88%).

Alimentação 

Diferente do que costumava acontecer nos meses anteriores, desta vez não foram os alimentos os principais responsáveis pela alta geral. No conjunto, os produtos de alimentação e bebidas quase não subiram (variação de 0,02%). O grupo alimentação e bebidas é o que mais pesa no cálculo geral, compondo mais de 20% do índice.

Mas essa estabilidade no conjunto dos alimentos esconde aumentos significativos no preço de alguns produtos - compensados pela queda em outros. Os tubérculos, raízes e legumes subiram em média 25,8%, com destaque para o tomate (46,3%), cebola de cabeça (27,3%) e batata inglesa (21,5%).

De acordo com o coordenador do cálculo do ICV/Udesc Esag, Hercílio Fernandes Neto, o excesso de chuva na época da colheita de algumas dessas culturas, como a batata, especialmente em São Paulo, levou à perda de parte da produção. Com menor oferta desses produtos no mercado, o preço subiu.

Sobre o Índice de Custo de Vida

O ICV/Udesc Esag registra a variação dos preços de produtos e serviços consumidos por famílias de Florianópolis com renda entre 1 e 40 salários mínimos. Para o último boletim mensal, os dados foram coletados entre os dias 1º e 29 de março.

A metodologia é a mesma usada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para o cálculo do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), referência oficial para a meta de inflação nacional. Para o cálculo do ICV, a Udesc Esag conta com o apoio da Fundação Esag (Fesag), na atualização das ferramentas utilizadas.

Mais informações

Mais informações podem ser obtidas em udesc.br/esag/custodevida, onde é possível consultar os boletins mensais (desde 2010) e as séries históricas (desde junho de 1994) do ICV/Udesc Esag.

Conteúdos relacionados

Ver mais conteúdos

Grupo Pasquini anuncia parceria com Instituto Guga Kuerten

22.05.2019

Grupo Pasquini anuncia parceria com Instituto Guga Kuerten

Ingleses recebe projeto Floripa Empreendedora no Bairro nesta sexta-feira

16.05.2019

Ingleses recebe projeto Floripa Empreendedora no Bairro nesta sexta-feira

Especialistas promovem talk “Café com Finanças”, com entrada gratuita, na Lagoa da Conceição

14.05.2019

Especialistas promovem talk “Café com Finanças”, com entrada gratuita, na Lagoa da Conceição

Saiba mais sobre Florianópolis no deolhonailha.com.br O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.

Anuncie no portal.
Entre em contato.