20.6 C
fpolis
terça-feira, outubro 19, 2021
cinesytem

Artigo de professor da Udesc é publicado na revista Science

spot_img

Artigo de professor da Udesc é publicado na revista Science

spot_img

Considerada uma das publicações científicas mais prestigiadas do mundo, a revista norte-americana Science traz na edição divulgada na última sexta-feira, 12, um artigo assinado pelo professorJosé Francisco Salm Júnior, do Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag), da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) em Florianópolis. As informações são da Assessoria de Comunicação do Governo do Estado.

Elaborado em parceria com três pesquisadores da Organização Mundial de Saúde (OMS), o artigo aborda o trabalho em andamento para construção de um observatório global de pesquisa e desenvolvimento na área da saúde.

Idealizado para utilização e benefício de todos os países membros da OMS, o observatório reúne dados de pesquisas que tratam de doenças negligenciadas pela indústria farmacêutica. O sistema funcionará como um mapa global de atividades de pesquisa relacionadas à saúde.

Pela equipe da OMS, são coautores do artigo os pesquisadores Robert Terry e Cláudia Nannei, ambos do programa especial de pesquisa em doenças tropicais da organização, e Christopher Dye, que integra o gabinete do Diretor Geral da entidade com base em Genebra, na Suíça.

Plataforma Lattes

Nos anos 1990, Salm Jr. integrou a equipe de pesquisadores que desenvolveu a Plataforma Lattes, lançada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e hoje uma das maiores bases de registro da atividade científica no País.

A plataforma integra em um único sistema de informações as bases de dados de currículos, grupos de pesquisa e instituições das áreas de ciência e tecnologia que atuam no Brasil.

Após seu lançamento, o professor Salm Jr. também atuou como coordenador, junto às instituições de ensino superior brasileiras, da criação da padronização do currículo Lattes.

O desenvolvimento da plataforma teve participação de outra instituição da qual o professor Salm Jr. também é pesquisador: o Instituto Stela, organização privada, de gênese universitária e sem fins econômicos, que se dedica à pesquisa, ao desenvolvimento e à inovação de soluções em engenharia e gestão estratégica de informação e conhecimento.

Lattes norte-americano

Entre 2010 até 2012, Salm Jr. integrou a equipe de pesquisadores que concebeu o equivalente da Plataforma Lattes junto às agências de fomento nos Estados Unidos, denominado Science Experts Network Curriculum Vitae (ScienCV)

O trabalho foi realizado com participação de profissionais da National Science Foundation (NSF), do National Institutes of Health (NIH) e do escritório de Políticas Públicas em Ciência e Tecnologia da Casa Branca.

As experiências de desenvolvimento dessas duas plataformas são citadas no artigo publicado na revista Science como fontes de conhecimento para chegar à proposta do Observatório Global em Pesquisa e Desenvolvimento da OMS.

Docente do curso de Administração Pública da Udesc Esag, Salm Jr. abordou em seu doutorado o tema Engenharia de Ontologias para Plataformas de Governo Aberto. Ele é filho do professor José Francisco Salm, PhD, que também atuou como docente pelo centro de ensino.

A revista
Publicada pela Associação Americana pelo Avanço da Ciência, a revista Science é considerada uma das publicações científicas mais prestigiadas do mundo, ao lado da inglesa Nature.
Com tiragem semanal de 130 mil exemplares e número estimado de leitores superior a um milhão, foi fundada em 1880, em Nova York, e teve entre seus financiadores nomes como Thomas Edison e Alexander Graham Bell.
Os artigos que publica são submetidos ao processo de revisão paritária e sua linha editorial tem como objetivo maior a publicação de descobertas científicas recentes.

Autores do artigo:
Robert F. Terry – Pesquisador do programa especial de pesquisa em doenças tropicais da OMS
José F. Salm Jr. – Professor e pesquisador na Udesc Esag e pesquisador no Instituto Stela
Cláudia Nannei – Pesquisadora do programa especial de pesquisa em doenças tropicais da OMS
Christopher Dye – Diretor de Estratégia do Gabinete do Diretor Geral da OMS

spot_img
spot_img