17.5 C
fpolis
quarta-feira, maio 18, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Audiência Pública vai discutir limpeza e desobstrução do Rio Sanga dos Bois, na Cachoeira

spot_img

Audiência Pública vai discutir limpeza e desobstrução do Rio Sanga dos Bois, na Cachoeira

spot_imgspot_img

Na próxima segunda-feira (22/12), às 19 horas, no auditório da Serte, na Rua Leonel Timóteo Pereira, 604, Cachoeira do Bom Jesus, será realizada audiência pública para tratar da limpeza, desassoreamento e desobstrução do Rio Sanga dos Bois, naquela comunidade do Norte da Ilha de Santa Catarina. Nesta semana, a partir da segunda-feira (16/12), 17 pontes particulares construídas irregularmente sobre o Rio foram destruídas pela Floram no trecho entre o acesso público da Rua Jardim Gizelle até a Lagoa das Gaivotas. Cinco pontes públicas permanecem fazendo a ligação da localidade com a praia. Os particulares que pretendem reconstruir pontes precisam fazer projetos de acordo com os padrões do IPUF e solicitar a autorização pública.

“Mais um importante avanço foi conseguido a caminho da recuperação da balneabilidade da praia”, analisa Antonio Barbosa, Coordenador do Grupo Norte Azul e diretor da Associação FloripAmanhã. “Temos trabalhado de forma incansável para melhorar as condições na Praia da Cachoeira do Bom Jesus. Atingir os critérios de excelência para obtenção da Bandeira Azul é tarefa árdua e contínua”, afirma. A Associação FloripAmanhã é agente promotora da certificação ambiental Bandeira Azul na Praia do Santinho e trabalha para incluir a Cachoeira do Bom Jesus entre as praias-piloto deste Programa.

A equipe da Prefeitura Municipal de Florianópolis, capitaneada pela FLORAM iniciou a operação no Rio Sanga dos Bois na última segunda-feira (16/12), continuou durante todo o dia 17/12 e deve completá-la nesta quinta-feira (18/12). A referida operação foi requerida nas reuniões quinzenais do Projeto Norte Azul desde 31 de janeiro de 2008, quando ocorreu a primeira abertura do Rio Sanga dos Bois diretamente para o mar a frente da Rua Jardim Gizelle. Cerca de três mil pessoas confirmaram esse pleito em Abaixo Assinado, encaminhado às autoridades. A partir da instalação do Conselho Gestor Consultivo da Praia da Cachoeira, este assumiu a operação como prioritária.

“A comunidade manifesta à Prefeitura Municipal profundo agradecimento pela operação realizada e tem certeza da repercussão positiva para turistas e moradores da Praia da Cachoeira”, declara o coordenador do Grupo Norte Azul.

“O Grupo Norte Azul e o Conselho Gestor Consultivo da Praia da Cachoeira, continuam de forma legal, organizada e sinérgica com os órgãos públicos e as diversas entidades representativas da Cachoeira do Bom Jesus, em busca dos demais objetivos do Programa Bandeira Azul e sempre voltados ao bem comum”, finaliza Barbosa.

Foto: Cachoeira do Bom Jesus / DEOLHONAILHA

spot_img