24.6 C
fpolis
segunda-feira, setembro 20, 2021
cinesytem

Causa de curto-circuito em subestação da Celesc só será esclarecida semana que vem

spot_img

Causa de curto-circuito em subestação da Celesc só será esclarecida semana que vem

A assessoria de comunicação das Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) informou no fim da tarde desta sexta-feira, 27, que técnicos da empresa farão uma perícia na subestação que incendiou na noite de quinta-feira, deixando 39 mil unidades consumidoras sem energia elétrica por cerca de quatro horas.

Ainda segundo a assessoria, uma das hipóteses para a causa do curto é a de que um gambá tenha encostado no equipamento que pegou fogo. O cadáver do animal foi encontrado no na local na manhã desta sexta-feira. O resultado da perícia só será divulgado semana que vem.

O incêndio

O incêndio começou às 23h16, o que provocou a interrupção no fornecimento de energia elétrica para 38.937 unidades consumidoras da cidade. Os bairros atingidos foram  Itacorubi, Santa Mônica, Trindade, Pantanal,  Córrego Grande, Saco dos Limões, Lagoa da Conceição, Costeira e José Mendes.

De acordo com o relato enviado ao DeOlhoNaIlha pela assessoria da empresa, assim que o incidente foi registrado, equipes da Celesc se deslocaram para o local para restabelecer o fornecimento da energia.

Ao todo, 10 circuitos alimentadores foram desligados pelo proteção do sistema. Havia um foco de incêndio no local. A partir da meia-noite, os funcionários que foram mobilizados pela Celesc começaram as primeiras manobras para o reestabelecimento da energia.

Por volta de 1h30, a energia elétrica já havia sido reestabelecida em aproximadamente 75% das unidades daquela subestação (28 UCs). As manobras de recomposição continuaram e às 3h05, todos os clientes atingidos estavam com o serviço normalizado.

A assessoria reforça que, em consequência do curto circuito, foram registrados apenas danos materiais na subestação, não havendo vitimas, tampouco explosão de equipamentos. Embora o efeito causado pelo arco elétrico (clarões e intensa luminosidade) possa ter sido percebido à distância, em nenhum momento a segurança da subestação e seu entorno foi colocada em risco.

spot_img
spot_img

Leia mais