22 C
fpolis
sábado, setembro 25, 2021
cinesytem

Centro de Cultura e Eventos comemora cinco anos de atividades

spot_img

Centro de Cultura e Eventos comemora cinco anos de atividades

spot_img

Uma solenidade que contará com a presença do vice-reitor Carlos Alberto Justo da Silva, de operários que trabalharam na construção e de servidores que ajudam na manutenção do prédio marca, às 16h30 de hoje (11/05), a passagem do 5º aniversário ao Centro de Cultura e Eventos da UFSC. Uma exposição fotográfica mostra a retomada das obras, em 2002, detalhes do edifício sendo erguido e imagens posteriores à inauguração, como formaturas e eventos. A retrospectiva tem a coordenação do Departamento de Cultura e Eventos da UFSC, com projeto gráfico do Sistema de Identidade Visual/Agecom.

A entrega da obra à comunidade ocorreu em 9 de maio de 2004, com um show do cantor Arnaldo Antunes. Depois dele, passaram pelo palco do Centro de Eventos artistas como Jair Rodrigues, Paulinho da Viola, Fernanda Abreu, Arrigo Barnabé e Tetê Espíndola. O auditório principal também recebeu a Escola do Balé Bolshói e sediou lançamentos de CDs de músicos catarinenses. O espaço abrigou um congresso da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), o Circuito Cultural do Banco do Brasil e um grande número de seminários, simpósios e formaturas.

Com 8 mil metros de área construída, auditório para 1.371 lugares e amplos espaços para cursos e reuniões, o Centro de Cultura e Eventos veio suprir não apenas uma grande necessidade interna da Universidade, mas também uma demanda da capital do Estado, que se ressentia da falta de um local bem localizado capaz de sediar diversos eventos simultâneos, com autonomia técnica e infra-estrutura dignas dos centros de convenções das principais cidades brasileiras.

Uma das contribuições mais visíveis do Centro para a comunidade universitária foi a possibilidade de realizar formaturas sem custo para os estudantes. As cerimônias de colação de grau dos cursos de graduação da UFSC passaram a ser feitas ali, sob a coordenação do Departamento de Cultura e Eventos, com a participação dos Centros de Ensino e das Comissões de Formaturas. Até abril deste ano aconteceram no espaço 339 cerimônias, nas quais 11.786 alunos receberam outorga de grau.

O departamento responsável adotou um protocolo padrão para as formaturas, respeitando as especificidades de cada curso e possibilitando a participação de todos os formandos, de forma igualitária, independente de sua condição econômica. Além da estrutura física, a Universidade também fornece becas, capelos, decoração, sala de recepção para os formandos, som e a própria organização e execução da solenidade. Todas as cerimônias de colação de grau, assim como alguns eventos científico-culturais, são transmitidos em tempo real pela Internet e posteriormente os vídeos são disponibilizados no site do departamento (www.eventos.ufsc.br).

O Centro de Cultura e Eventos é constituído por três pisos, sendo que o primeiro, inteiramente climatizado, conta com quatro salas, camarim masculino e feminino, praça de alimentação com 240 cadeiras, agência de viagens, livraria e papelaria, loja de reprografia e fotografia, agência bancária, telefones públicos e sanitários. Toda a área do prédio é coberta por rede sem fio (wirelles).

No segundo piso é onde estão os grandes espaços para congressos, formaturas, simpósios, seminários, workshops, feiras e outros eventos. O auditório Garapuvu tem 1.371 lugares, sendo 704 na Plenária Um e 667 na Plenária Dois. Nesse mesmo piso há quatro salas multifuncionais, com capacidade para 45 lugares cada uma. Por terem paredes removíveis, essas salas podem ser convertidas em espaço único para 300 pessoas e usadas como salão, área de exposições e de estandes. Há ainda um hall com 800 metros quadrados que pode ser utilizada para diversos fins e por onde circula grande quantidade de pessoas todos os dias.

No último piso existem cinco salas com mobiliário, com capacidade que varia de 40 a 100 lugares, espaço para projeção e, como nos demais pisos, pontos de rede e sanitários.

Nesses cinco anos, o Centro de Cultura recebeu 384 eventos culturais e técnicos nacionais e internacionais, atingindo um público de cerca de 555 mil pessoas. Para atender à comunidade, o Departamento criou o programa Vitrine Cultural, que já ofereceu 52 minicursos grátis de artesanato, beneficiando 850 pessoas de toda a região. Muitos desses participantes transformam o conhecimento adquirido em fonte de renda, aumentando seus ganhos, a qualidade de vida de suas famílias e a própria auto-estima.

Mais informações com o diretor do Departamento de Cultura e Eventos, Luiz Roberto Barbosa, pelo fone (48) 3721-9360.

Por Paulo Clóvis Schmitz / Jornalista na Agecom

spot_img
spot_img

Leia mais