15.6 C
fpolis
quinta-feira, setembro 16, 2021
cinesytem

Chocolate volta arrebatadora e já tem data pra segunda edição de 2020

spot_img

Chocolate volta arrebatadora e já tem data pra segunda edição de 2020

O retorno da icônica label de hip-hop Chocolate a Floripa, depois de um hiato de quase dois anos, foi avassalador. A festa que aconteceu dia 18 de janeiro na Vila dos Araçás, Lagoa da Conceição, foi a primeira das quatro que serão realizadas em 2020 na cidade. Agora com parceria do selo Desterro Societá, obras produzidas ao vivo, jogo de poker e iniciação à produção musical fazem parte do cardápio de ações que provam o quanto a maioridade trouxe maturidade cultural para a festa. Os organizadores, felizes com o sucesso da primeira edição de 2020, lembram que Páscoa é uma boa época para chocolates.

A volta da Chocolate a Floripa no sábado, 18 de janeiro, comprovou porque a label mantém-se no radar do hip-hop nacional há 18 anos, e sempre agregando ao movimento: o público ama a festa que é totalmente pensada pra ele. Com a chancela do selo Desterro Societá, o line up agradou em cheio ao apresentar lendas que estão com a Chocolate desde seu início, lá no começo dos anos 2000.  Dubstrong, Glazer, King e Naomi não deixaram ninguém parado na pista lotada do começo ao fim da festa que, democrática, não teve camarotes ou áreas VIP. "É muito gratificante ver que tudo aquilo que nos dedicamos por meses pra realizar, vai muito além de fazer uma festa. A Chocolate é um lugar onde há integração das artes de rua, seja na música, na dança ou nas pinturas feitas ao vivo por artistas muito especiais; seja no modelo do evento onde todo mundo se vê, se encontra, e é feliz junto", diz João Pellegrini da Desterro Societá. Desde junho de 2018 não havia uma edição da Chocolate em Florianópolis, a última foi no Bud Basement, durante a Copa do Mundo, e Guigo Lima, idealizador da label, está otimista com o retorno do evento à Ilha. Dando uma dica da possível data da segunda das quatro edições da Chocolate previstas para 2020 na cidade, afirma:  "A nova parceria trouxe a festa de volta, renovada e sem perder a identidade, isso mostra a sincronia de idéias, visão e conceito, que aliados à boa estreia prometem uma Páscoa com um coelho bem generoso".

 
Os artistas Leo Mousse, Franco Maestri, Jhozfer, Fabiano Moraes e Marcelo Barnero emprestaram seus talentos pra outro ponto alto da volta avassaladora da Chocolate, que foi a produção ao vivo de obras cheias de propósito. Tendo uma tela em formato de garrafa pra explorar, –  ativação em parceria com a Budweiser, marca patrocinadora do evento que trabalhou apenas com latas no bar da festa focando na reciclagem, – os artistas esbanjaram criatividade aos olhos do público que já pode aguardar esta intervenção artística como marca registrada em todas as edições da Chocolate deste ano. As obras produzidas ao final dos quatro eventos serão leiloadas com valor revertido para ações sociais. A Budweiser ainda plantou nesta primeira edição da Chocolate em 2020 a semente de um projeto que busca despertar o artista que existe dentro de cada um. Nas próximas datas da festa o Bud Music prevê disponibilizar um estúdio e profissionais da área para iniciação à produção musical, um espaço de exprimentos para novas rimas e beats.  
 
E o público, definitivamente o protagonista da Chocolate, ainda se surpreendeu com a volta da label através de experiências como a possibilidade de jogar numa mesa de poker assinada pela World Series Of Poker (WSOP), que há 50 anos realiza o maior torneio do Mundo do jogo de cartas que desde a década de 1970 é considerado esporte. Sucesso absoluto, os desafiantes garimpados pela dealer na pista competiram em animadas partidas que valiam uma cerveja Budweiser e um chocolate de premiação. Mais de 100 pessoas passaram pela mesa da WSOP que também segue firme na parceria para as próximas edições da label que tem no seu palco outro segredo do sucesso. A  Vila dos Araçás é um ponto estratégico na convidativa Lagoa da Conceição e opera onde há 18 anos funcionava o Confraria das Artes, casa noturna que acolheu a primeira edição da Chocolate em Florianópolis, em 2002, e a manteve na sua agenda fixa durante 4 anos. " É muito legal ver a Chocolate voltar para a Lagoa da Conceição, agora na Vila dos Araçás, num novo espaço completamente reformulado e que conversa muito bem com a proposta atual da festa onde as pessoas podem circular e interagir num ambiente coletivo, sem áreas delimitadas, o que é uma caracteristica da casa", explica Vini Damiani, diretor da Vila dos Araçás, que desde 2016 opera onde funcionava a Confraria das Artes, local que, segundo ele, deverá receber mais edições da Chocolate este ano.
spot_img
spot_img

Leia mais

spot_img