22.2 C
fpolis
sábado, dezembro 4, 2021
cinesytem

Cine Tibetano nesta quarta-feira na Fundação Cultural Badesc

spot_imgspot_img

Cine Tibetano nesta quarta-feira na Fundação Cultural Badesc

spot_img

A FCBadesc e o Centro de Cultura Tibetana de Florianópolis promovem, a
partir de setembro, um projeto mensal com filmes que retratam os costumes, a
história e a política desta região.

Na primeira sessão do Cine Tibet, dia 28, às 19h, será exibido Kundun, de
Martin Scorsese. O longa narra a história de vida do XIV Dalai Lama, o
atual, desde a infância até sua liderança em um período de longa
instabilidade e luta política.

Cine Tibetano apresentará, até novembro, mais dois títulos. Samsara,
primeiro filme de Pan Nalin como diretor, conta a história de um jovem monge
que após três anos de intensa meditação nas montanhas do Himalaia, retorna
para o mosteiro e se vê apaixonado por uma garota. A produção foi premiada
no Festival Internacional de Melbourne de 2002.

Patrulha da montanha, de Chuan Lu, é baseado em uma história real sobre um
jornalista chinês que desvenda misteriosos desaparecimentos de voluntários
da patrulha da reserva natural de Kekexili e o massacre de antilopes
tibetanos. O filme foi premiado no Festival Internacional de Berlim de 2005
e no Sundance Festival no mesmo ano.

O Centro de Cultura Tibetana é uma organização não-governamental sem
fins lucrativos que apresenta e preserva a cultura tibetana no Brasil e na
América Latina com o objetivo de incentivar o diálogo entre filosofia,
ciência e práticas contemplativas.

Ficha técnica

Kundun
De Martin Scorsese, EUA, 1997, 134min. Drama. 18 anos.
Da infância à vida adulta, o 14º Dalai Lama do Tibet lida com a opressão
chinesa e outros problemas.


O quê estreia do Cine Tibetano
Onde Fundação Cultural Badesc. Rua Visconde de Ouro Preto, 216. Centro
Quando 28 de setembro, 19h
Quanto Entrada gratuita

spot_img
spot_img