13.9 C
fpolis
quinta-feira, maio 19, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Cinema Francês em Florianópolis

spot_img

Cinema Francês em Florianópolis

spot_imgspot_img

Abertura do festival será com o filme Dois em um, do cineasta francês Daniel Auteuil
Festival na capital é dedicado à cinematografia francesa

(02/12/2008) O Clube de Cinema Nossa Senhora do Desterro, em parceria com a Fundação Catarinense de Cultura (FCC), abre as portas entre os dias 4 e 11 de dezembro para o Festival Varilux de Cinema Francês, que apresentará diversas sessões de longa-metragens ao longo do dia. A abertura será às 21 horas, com o filme Dois em um, do cineasta francês Daniel Auteuil, e coquetel após a sessão. Mais informações no site www.cineclubedesterro.art.br.

No dia 05, o Festival começa com as exibições de La Belle Personne, de Christophe Honoré, e Felix e Lola, de Patrice Leconte, às 19h30min e às 21h30min, respectivamente. Produzido em 2008, La Belle Personne conta a história de uma garota de 16 anos que troca de colégio durante o ano acadêmico e logo se enturma com os novos colegas. Com uma beleza chamativa, ela começa a namorar um rapaz antes de se dar conta que está apaixonada pelo professor de italiano. Em Felix e Lola, um profissional de um parque de diversões conhece a triste e silenciosa Lola. Ao se apaixonar por ela, percebe que um mistério envolve seu passado. No sábado, a programação segue com a reapresentação de Felix e Lola, às 19h30min, e Dois em um, às 21h30min.

No dia 07, domingo, às 19h30min o Festival segue com a reapresentação de Dois em um, protagonista da abertura do evento. Na próxima sessão, às 21h30min, o contemplado é 15 anos e meio, comédia de François Desagnat e Thomas Sorriaux. A narrativa discorre sobre Philippe Le Tallec, um brilhante cientista há quinze anos nos Estados Unidos. Depois da temporada, ele decide voltar para a França para finalmente encontrar a filha Eglantine. Philippe está disposto a recuperar o tempo perdido, mas a adolescente, rebelde e com outros interesses, não parece muito inclinada a embarcar no relacionamento. O cientista, então, precisará se desdobrar para conquistar a garota.

Na segunda-feira, dia 08, o Festival Varilux prossegue com a reapresentação de 15 anos e meio, às 19h30min, e La Belle Personne, às 21h30min. Na terça, dá seqüência às exibições inéditas, às 19h30min, com Elogio ao amor, produção entre a França e Suíça, dirigida por Jean-Luc Godard, ícone da Nouvelle Vague, com o hoje clássico Acossado (1959) Trabalhando com imagens em preto-e-branco e em cores, a narrativa aborda o relacionamento de três casais, recusando a linearidade da narração. O drama, lançado em 2001, tem duração de 97 minutos.

No dia 10 de dezembro, o Festival Varilux apresenta Beijo na boca, não!, dirigido em 2003 pelo cineasta Alan Resnais, outro expoente da Nouvelle Vague, e estrelado por Audrey Tatou. Filmado em preto e branco, tem 115 minutos de duração e conta a história de um próspero industrial que acredita ter sido o primeiro homem de sua esposa. Ela esconde, porém, um casamento anterior com um americano, quebrado pela recusa do marido em beijar na boca. A produção, adaptada da opereta cômica Pas sur la Bouche!, de 1925, será exibida às 19h30min. Em seguida, às 21h30min, Atrizes.

Na noite de encerramento, dia 11 de dezembro, o Festival Varilux reapresenta o longa Atrizes, às 19h30min, e Elogio ao Amor, às 21h30min.

Por Jade Martins Lenhart

spot_img