21.6 C
fpolis
domingo, novembro 28, 2021
cinesytem

Comissão define produtos para boxes do Mercado Público de Florianópolis

spot_img

Comissão define produtos para boxes do Mercado Público de Florianópolis

spot_img

Entre os novos serviços estão barbearia, livraria e loja de tecidos

A comissão do mix de produtos do Mercado Público de Florianópolis já formulou um pré-projeto de artigos que devem ser vendidos no espaço. A proposta, que servirá de base para a licitação, prevê pelo menos 29 itens diferentes.

De acordo com o coordenador do grupo elaborador do projeto, Salomão Mattos Sobrinho, a área destinada à venda de calçados, que hoje ocupa todo o interior da Ala Norte, deve ser reduzida a 7%. Além dos sapatos, também está previsto diminuir o número de boxes de confecção.

Entre as novas propostas está uma barbearia, serviço oferecido normalmente em outros mercados públicos, como o de Joinville. O objetivo também é colocar à disposição produtos diversificados, como tecidos, brinquedos e livraria. De acordo com Sobrinho, o projeto será entregue ao prefeito Dário Berger entre a primeira e segunda semana de outubro.

— Depois da aprovação, serão realizadas audiências públicas para ouvir as sugestões da comunidade. A expectativa é que as reuniões ocorram já no próximo mês — disse o coordenador.

O presidente da Associação dos Comerciantes do Mercado Público, Oreste Mello, não acredita que haverá mudança nos boxes tão cedo. Ele revela que a organização entrará com ações judiciais, que deverão atrasar o projeto de concorrência pública.

— A prefeitura pode apenas recomendar mudanças nos tipos de produtos vendidos. Se ocorrer a licitação, aí sim poderão alterar. Não estamos em um país ditatorial — afirma Mello.

A comissão do mix de produtos também prevê a instalação de um museu de história. A Ala Sul deve ser destinada especificamente aos produtos alimentícios, e a Norte, ao restante das atividades.

No dia 15, a Corte do Tribunal de Justiça (TJ) determinou que a prefeitura começasse o processo de licitação em 30 dias. Antes, no dia 1º, uma liminar já havia exigido a adequação às constituições Estadual e Federal, que obrigam a concorrência para a ocupação do espaço. Até esta quinta-feira, a intimação ainda não havia sido encaminhada ao Executivo.

Projeto dará início à revitalização

O prefeito Dário Berger entregará, nesta sexta-feira, o prêmio de R$ 35 mil aos representantes do escritório Vigliecca e Associados, pelo anteprojeto de revitalização que venceu o Concurso de Arquitetura e Urbanismo de Requalificação do Largo do Mercado Público. A premiação será entregue no gabinete da prefeitura.

O projeto de execução, no valor de R$ 282 mil, também será assinado nesta sexta-feira em uma cerimônia a partir das 10h.

O arquiteto uruguaio Héctor Vigliecca, que vive em São Paulo, quer criar um novo plano urbano para a parte subterrânea, que fica em frente à rua Francisco Tolentino, e para onde serão transferidos o atual camelódromo e o estacionamento da Associação Florianopolitana de Voluntários (Aflov). O prazo para a conclusão é de quatro meses.

Empresa vencedora poderá explorar estacionamento

Em janeiro, a prefeitura poderá abrir o processo de licitação das obras de revitalização do Mercado Público. De acordo com o superintendente do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (Ipuf), Átila Rocha, a concorrência será por meio de concessão.

A empresa vencedora da licitação poderá explorar o estacionamento de 400 vagas e o shopping popular subterrâneo, que deverá ter 158 lojas, previsto para substituir o camelódromo existente hoje.

Mas o presidente da Associação dos Comerciantes do Camelódromo Municipal de Florianópolis, José Roberto Leal, diz que a prefeitura não pode interferir no estabelecimento. Ele afirma que o terreno pertence à União, que cedeu o espaço à organização.

Mercado Público de Florianópolis

Novidades:
– Tecidos
– Barbearia
– Empório
– Sorvete artesanal
– Queijos e vinhos
– Revistaria e livraria
– Brinquedos artesanais

Continuam
– Calçados
– Confecção
– Material de pesca
– Lotérica
– Embalagens
– Secos e molhados
– Cafeteria
– Frutas e hortaliças
– Artigos para festa
– Floricultura
– Temperos e grãos
– Artesanato
– Peixaria
– Açougue
– Bar
– Pastelaria
– Caldo de cana
– Restaurante
– Agropecuária
– Artigos de cozinha

spot_img
spot_img