fique por dentro de floripa

- Política - CPI da Zona Azul: Dono de empresa revela que foi chamado para esvaziar escritório da Dom Parking

21.10.2019

CPI da Zona Azul: Dono de empresa revela que foi chamado para esvaziar escritório da Dom Parking

21.10.2019
CPI da Zona Azul: Dono de empresa revela que foi chamado para esvaziar escritório da Dom Parking
Foto: Édio Hélio Ramos /Comunicação CMF

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Zona Azul que está investigando possíveis irregularidades no contrato de concessão das vagas de estacionamento rotativo da Capital realizou mais uma reunião na Câmara. O primeiro depoimento do dia foi prestado pelo proprietário da empresa Mário Mudanças, que foi contratada para fazer a retirada e o transporte de todos os pertences da empresa que estavam dentro da sede da Dom Parking em Florianópolis após o rompimento do contrato com a prefeitura municipal. 

Mário Luiz Cassio, dono da empresa Mário Mudanças, diz que foi chamado no meio da tarde do dia 11 de outubro por telefone e que inclusive estavam terminando um serviço no Sul da Ilha. “Eu recebi a ligação do Vitor, dono da Dom Parking, solicitando a retirada de computadores, televisão e mais materiais. Mas não sei o que tinha especificamente, eu não estava sabendo de nada e falei que não teria problema porque estávamos terminando um serviço no Campeche, passando lá só para coletar as caixas”, afirmou Mário.

Ainda segundo o proprietário da empresa de mudanças, a retirada de todo o material seria feita na sexta, sábado e, caso preciso, até no domingo. O local de destino final do material também não havia sido informado pelo contratante.  “Nós não sabíamos ainda o endereço que deveríamos fazer a entrega, apenas que era para Joinville. E, quando aconteceu todo aquele tumulto, o Vitor queria que levássemos o material para o nosso depósito. Eu informei que não tinha como sair dali porque a situação estava complicada.”

Na sequência foram ouvidos dois agentes da Guarda Municipal de Florianópolis que atenderam a ocorrência em que cerca de 40 funcionários da Dom Parking não permitiram que os materiais retirados da empresa fossem levados para sede em Joinville, fazendo com que as caixas lacradas, para preservar a ordem pública, ficassem sob a guarda da Câmara de Vereadores. “Nós fomos chamados ao local porque havia uma manifestação dos funcionários da Dom Parking e chegando ali observamos que o pessoal estava bem revoltado e que falaram que o caminhão não sairia do local. A solução ofertada no local foi de trazer o material para a Câmara e todos os presentes concordaram e escoltamos o material até aqui,” informou o Guarda Municipal Carlos Fernandes.

Na próxima semana, nos dias 29 e 30 de outubro, acontecem novas oitivas da CPI da Zona Azul. A Dom Parking foi a responsável por operar nos últimos seis anos as vagas rotativas de estacionamento na Capital. A prefeitura de Florianópolis, após romper o contrato com a empresa, cobra na Justiça uma dívida de R$ 19 milhões por valores previstos no contrato de concessão e que deixaram de ser repassados.

Conteúdos relacionados

Ver mais conteúdos

Posse do novo secretário estadual dos Jovens Republicanos de Santa Catarina

29.10.2019

Posse do novo secretário estadual dos Jovens Republicanos de Santa Catarina

CPI da Zona Azul: Dono de empresa revela que foi chamado para esvaziar escritório da Dom Parking

21.10.2019

CPI da Zona Azul: Dono de empresa revela que foi chamado para esvaziar escritório da Dom Parking

Relatório de evolução da CPI da ponte Hercílio Luz

14.10.2019

Relatório de evolução da CPI da ponte Hercílio Luz

Saiba mais sobre Florianópolis no deolhonailha.com.br O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.

Anuncie no portal.
Entre em contato.