16.3 C
fpolis
sábado, setembro 25, 2021
cinesytem

Deputado João Amin repudia supersalários na Celesc

spot_img

Deputado João Amin repudia supersalários na Celesc

spot_img

O Deputado Estadual João Amin (PP) classificou como absurdas as remunerações de diretores das Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) em julho. Neste mês, com a Participação de Lucros e Resultados (PLR), seis membros da diretoria receberão, juntos, a soma de R$ 1.440.186,66. O contracheque do presidente da empresa deve fechar em mais de R$ 260 mil.

“Mesmo não havendo ilegalidade, é totalmente questionável a aprovação destes valores no meio de uma crise sem data para terminar gerada pela pandemia, e justamente em um período em que o Estado está tentando se recuperar de um ciclone devastador˜, argumentou o parlamentar.

De acordo com o deputado, nos dias que sucederam a passagem do ciclone por Santa Catarina, ele tentou fazer contato com o presidente da Celesc por diversas vezes para cobrar agilidade no atendimento de comunidades inteiras que chegaram a ficar por uma semana sem energia elétrica, mas não foi atendido.

“Estes valores, completamente fora da realidade do momento, poderiam ser usados para ajudar a melhorar a qualidade do serviço prestado pela empresa, já que diversas regiões do Estado estão passando por um momento realmente muito complicado em função do ciclone”, acrescentou o deputado.

No começo do mês, a Assembleia Legislativa de Santa Catarina repassou R$ 30 milhões para o Executivo aplicar na recuperação dos estragos causados pelo ciclone. O dinheiro será destinado para financiar projetos de auxílio às famílias atingidas e à recuperação dos danos materiais. Os recursos integram o orçamento do Legislativo estadual e é fruto de economia nos setores administrativos e nos gabinetes.

spot_img
spot_img

Leia mais