23.3 C
fpolis
sexta-feira, dezembro 3, 2021
cinesytem

Elaboração de projetos de crédito de carbono será tema de curso gratuito em Florianópolis

spot_imgspot_img

Elaboração de projetos de crédito de carbono será tema de curso gratuito em Florianópolis

spot_img

A elaboração de projetos de crédito de carbono será tema de curso gratuito, que será realizado de 28 a 30 de setembro, em Florianópolis. A iniciativa da Federação das Indústrias (FIESC) em conjunto com a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e com o SENAI/SC, no âmbito do programa Mercado de Carbono.

Na capacitação estão previstos os temas: mudança climática e o potencial de negócios no mercado internacional de créditos de carbono, análise e viabilidade de projetos na área, consequências da mudança do clima para as atividades econômicas, acordos internacionais, modalidades de projetos em mecanismos de desenvolvimento limpo (energia, resíduos e reflorestamento).

O curso será ministrado pelos especialistas Hamilton K. M. Ida e Rodrigo Fagundes Gatti, da LogiCarbon, e Magno Botelho Castelo Branco, doutor em ecologia e recursos naturais pela Universidade Federal de São Carlos.

As vagas são limitadas. Os interessados em participar devem fazer a inscriçãoaqui.

Projetos: A FIESC e a CNI mantêm em Santa Catarina o programa Mercado de Carbono, um espaço virtual, disponível no endereço www.fiescnet.com.br/mdl, que busca contribuir para a inserção da indústria catarinense no mercado global de carbono. Outra iniciativa é a Bolsa de Resíduos do Sistema FIESC, que em 2010 movimentou 7,7 mil toneladas, tem 14 estados participantes e 232 empresas cadastradas.

No mundo há 3.214 projetos de mecanismo de desenvolvimento limpo já registrados. A China lidera a lista com 1.443 projetos, seguida pela Índia, com 679 projetos. O Brasil está na terceira posição, com 193. Santa Catarina ocupa a quarta posição no país com 17 projetos registrados.

Entenda o que é o mercado de carbono:

O mercado de carbono é uma das iniciativas, previstas no Protocolo de Quioto, que tem o objetivo de reduzir a emissão de gases de efeito estufa. O mercado é administrado pela Organização das Nações Unidas (ONU). Os créditos podem ser comprados por empresas dos países desenvolvidos que não conseguem cumprir as metas de redução das emissões.

Confira a programação:

28/09

08h30 às 12h – Mudança do Clima e suas Consequências para as Atividades Econômicas
– Acordos Internacionais

14h às 18h – Institucionalidade do MDL
– Trâmites e ciclo de projetos de MDL
– Conceitos fundamentais: linha de base, adicionalidade e limites do projeto
– Estudos de Casos

29/09

09h às 12h – Demonstração online: sites UNFCCC e MCT
– Oportunidades sobre negócios de Carbono

14h às 18h – Modalidade de Projetos de MDL: Energia e resíduos

30/09

09h às 12h – MDL Florestal – conceitos básicos

14h às 18h – Modalidades de Projetos de MDL: Reflorestamento

spot_img
spot_img