19.2 C
fpolis
quinta-feira, abril 18, 2024
Cinesystem

Espetáculo cultural que propõe a reflexão de uma sociedade mais igualitária já tem data para acontecer em Santa Catarina

spot_img

Espetáculo cultural que propõe a reflexão de uma sociedade mais igualitária já tem data para acontecer em Santa Catarina

spot_imgspot_img

As duas apresentações do espetáculo “Se não agora, quando?”, da Cia Trupe Toe, em Santa Catarina, lotaram o Teatro Ademir Rosa, em Florianópolis, e o Auditório Carlos Jobim, em Blumenau, e contaram com interpretação em libras. Com trilha sonora autoral, unindo o samba, o maracatu, a ciranda, o choro, o baião, o samba de partido alto, declamações de peso e a dança, tudo ao vivo, o espetáculo está alinhado com o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável número 5, da ONU – Organização das Nações Unidas. Agora a companhia se prepara para a próxima apresentação em Santa Catarina, que será no Festival Internacional de Sapateado, um dos mais importantes da América Latina, nos dias 29/05 e 02/06, na capital do estado.

Cinco musicistas (Natália Livramento, Addia Furtado, João Petters, Angela Coltri, Osvaldo Pomar) e a cantora Dandara Manoela utilizam uma captação sem fio para se apresentarem e atuarem ao mesmo tempo. A linguagem de dança utilizada majoritariamente é a do Tap Dance, com influências da dança contemporânea e é apresentada por Marina Coura, Yasmin Bogo, Bruno Maria e Vivian Shimizu. “Para conceber o espetáculo nos inspiramos em campanhas internacionais e em pensadoras como Simone Beauvoir e Clarice Lispector, para propor a reflexão de uma sociedade mais igualitária em vários aspectos”, destaca Marina Coura, diretora da Cia Trupe Toe e do Festival Internacional de Sapateado/Floripa Tap. A Cia Trupe Toe foi fundada em 2011 e desenvolve a pesquisa do sapateado (Tap Dance) de uma forma ampla e polivalente, com a busca da inclusão de uma linguagem própria brasileira.

Proposta Cultural realizada com recursos do Governo do Estado de Santa Catarina, pela Fundação Catarinense de Cultura [FCC], por meio do Prêmio Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura – Edição 2023.

Integrantes do espetáculo “Se não agora, quando?”:

Marina Coura – Direção geral, coreógrafa e sapateadora

Natalia Livramento – Direção musical e violão 7 cordas

João Peters – contrabaixo

Angela Coltri – flauta

Addia Furtado – percussão

Osvaldo Pomar – percussão

Dandara Manoela – voz

Sapateado:

Marina Coura

Vivian Shimizu

Yasmin Bogo

Bruno Maria

Coorientação Artística: Adilso Machado

Técnico de Som: Juarez Machado e Rafa Pfleger

Iluminação: Gabriel Guedert

Produção Executiva: MAF Economia Criativa

Crédito fotos: Sabrina Marthendal Fotografia

editor.deolhonailha
editor.deolhonailhahttp://www.deolhonailha.com.br
O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Leia mais

spot_img