20.1 C
fpolis
sexta-feira, janeiro 28, 2022

Florianópolis recebe a 2ª Conferência Latino-americana de Metodologias

Florianópolis recebe a 2ª Conferência Latino-americana de Metodologias

spot_img

Metodologia ágil. Um tema ainda não muito difundido no Brasil, mas que desempenha importante base para empresas de tecnologia de todo o mundo. Pela primeira vez, Florianópolis e região recebem os melhores profissionais do mundo na área. Mais de 600 pessoas são esperadas para as palestras e cursos da 2ª Conferência Latino-americana de Metodologias Ágeis, de 06 a 09 de outubro, no Centro Multiuso de São José.

A edição latino-americana do evento é uma oportunidade para integrar os profissionais de Tecnologia da Informação (TI) e oferecer acesso aos principais processos e líderes mundiais no desenvolvimento de software sob a óptica das metodologias ágeis.

Segundo Samuel Crescêncio, Chairman do evento e CEO da OnCast Technologies, precursora no Brasil na utilização de metodologias ágeis, o encontro fortalecerá o amadurecimento das indústrias de software na região e no país. “Um evento deste porte e com os palestrantes mais importantes do mundo, irá trazer ferramentas para melhorar os processos de desenvolvimento de software das empresas da região e fortalecer o desenvolvimento econômico do Estado”, destaca.

Florianópolis e região tornam-se então o cenário ideal para receber este evento. Somente na Capital existem mais de 450 empresas de software, hardware e serviços de tecnologia, as quais geram mais de cinco mil empregos diretos e geram uma arrecadação de impostos duas vezes maior do que o tradicional setor de turismo.

As metodologias ágeis tornam-se importantes para acelerar a produtividade destas e de outras empresas por meio de processos inovadores. Importante ressaltar que as metodologias não são exclusivamente para desenvolvimento de softwares. “A cultura ágil pode ser aplicada em diversos segmentos como, por exemplo, na gestão estratégica das empresas”, explica Samuel Crescêncio.

Mas o que são metodologias ágeis?

Ainda nos anos 70, quando criado, o desenvolvimento da tecnologia de software baseava-se no modelo “waterfall ou cascata”. Ou seja, primeiro se fazia a coleta de requisitos, depois o projeto, depois codificava-se e só depois vinham os testes. Baixa assertividade, pouca aderência às mudanças, baixa qualidade e baixa visibilidade do andamento dos projetos são algum dos problemas relacionados ao uso de métodos tradicionais. Apesar de muitas empresas utilizarem tais métodos até hoje, foi na década de 90 que profissionais visionários uniram as melhores características tradicionais às novas técnicas.

Nasceram assim as metodologias ágeis, que estão sustentadas por quatro principais valores e doze princípios descritos no manifesto ágil (www.agilemanifesto.org). Métodos ágeis abrangem desde a cultura empresarial e gestão dos projetos até as técnicas de engenharia para desenvolver e testar softwares. Desde então, a cultura ágil tem se tornado um dos principais responsáveis pelo aumento no retorno dos investimentos das empresas.

Benefícios do desenvolvimento ágil nas empresas/instituições

Aumento considerável no retorno do investimento, por meio de entregas constantes de software pronto para ser utilizado em produção; Acelera a produtividade da equipe em até três vezes, tornando-as auto-gerenciáveis que, por meio da metodologia ágil, trabalham de forma multidisciplinar e autônoma; Maior assertividade, mais qualidade do produto final; Diminui o custo de desenvolvimento e manutenção de software e tecnologias de modo geral; Maior visibilidade e controle das etapas dos projetos.

Cursos inéditos no Brasil

Com o lema “Empurrando as fronteiras do desenvolvimento ágil”, o evento dará suporte para empurrar as fronteiras regionais e promover a disseminação da cultura ágil para a América Latina. Para tanto, a conferência se divide em duas importantes etapas. A pré-conferência, dias 06 e 07/10, abordará os cursos para treinamento e capacitação dos profissionais. A conferência, dias 08 e 09/10, oferecerá as palestras com os profissionais mais importantes do mundo, para o debate e o fortalecimento da área no continente latino-americano.

“Serão quatro cursos que não são comuns no mercado, sendo que dois desses cursos não existem no Brasil, e com pessoas altamente gabaritadas, como o indiano premiado Naresh Jain e a presidente do Agile Alliance (www.agilealliance.org) e autora de diversos livros na área, Diana Larsen”, antecipa Samuel Crescêncio. Os cursos abrangem as principais técnicas de desenvolvimento e gestão ágil: Agile Retrospectives, TDD – Test Driven Development e Scrum.

Palestrantes mais importantes do mundo na área

Entre os nomes de peso da conferência estão Brian Marick, que fará a primeira palestra do evento no dia 08/10, quinta-feira. Ele é desenvolvedor, consultor, escritor e um dos visionários e autores do Manifesto Ágil. A palestra de encerramento do primeiro dia também recebe um importante nome: Roy Singham, reconhecido mundialmente como um líder do pensamento em TI, fundador e presidente da ThoughtWorks, maior empresa de desenvolvimento ágil de software do mundo.

Já no dia 9 o evento recebe David Hussman, que acabou de ganhar o prêmio mundial mais importante da cultura ágil, o Gordon Pask Awards. Depois dele, para fechar as palestras com renomados profissionais, o evento recebe Diana Larsen. Reconhecida como uma das líderes mundiais na facilitação de retrospectivas, ela é presidente do evento em edição mundial e da ONG Agile Alliance. Entre os convidados também figuram nomes de peso como Dave Nicollete, Joshua Kerievsky, entre outros, que podem ser conferidos no site do evento: www.agiles2009.org.

SERVIÇO:
O QUÊ – 2ª. Conferência Latino-americana de Metodologias Ágeis
QUANDO – de 06 a 09 de outubro
ONDE – Centro Multiuso de São José
INSCRIÇÕES – até a data dos cursos e palestras
MAIS INFORMAÇÕES – www.agiles2009.org
TELEFONE: (48) 3222.1344 (SUCESU-SC)

spot_img
spot_img