25.3 C
fpolis
segunda-feira, janeiro 24, 2022
cinesytem

Florianópolis lança edital de incentivo à produção audiovisual

Florianópolis lança edital de incentivo à produção audiovisual

spot_img
Fundo Municipal de Cinema (Funcine) e a Cinemateca Catarinense, em parceria com a Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes (FCFFC), realizam mais uma atividade do projeto Itinerância Cinematográfica, dentro da programação comemorativa aos 284 anos da cidade. Nesta quinta-feira (25/03), às 19h, na Casa da Memória, será lançado o edital do Prêmio de Incentivo à Produção Audiovisual Armando Carreirão – edição 2010 e o documentário “Dito Isso”, de Denise Brener, contemplado em 2008. A programação inclui ainda exibição de curtas catarinenses e show com Joel e Janete.

“Dito Isso” trava uma reflexão sobre obras produzidas a partir do barro pelo artista plástico Fernando Lindote. O filme apresenta entrevistas com Agnaldo Farias e com o artista, intercaladas com depoimentos de críticos, teóricos, artistas e registros em fotos e vídeos da produção de Lindote. Além do documentário, serão exibidos três curtas catarinenses: “Uma Camélia Vermelha” de Bob Barbosa; “Desaprumo”; de Marcos Vinicius D’Elboux; e “E.T. – Emissário Da Terra”, de Rafael Schlichting.

Estímulo aos produtores

Criado pelo Decreto Municipal nº2715/2004, o prêmio Armando Carreirão visa estimular a produção audiovisual independente em Florianópolis, através de ajuda financeira e empréstimo de equipamentos aos produtores. O edital vai contemplar sete projetos nas categorias ficção, documentário e animação, totalizando R$ 150 mil em premiação. As inscrições podem ser feitas até 7 de maio de 2010 e a divulgação dos selecionados ocorrerá 45 dias após o encerramento do prazo de inscrição dos projetos.

O regulamento e a ficha de inscrição estão disponíveis na sede do Funcine, situada junto ao prédio da FCFFC, no Forte Santa Bárbara, na Rua Antônio Luz nº 260, Centro, no horário das 13h às 18h. A documentação também pode ser obtida no site da Fundação Franklin Cascaes no portal da Prefeitura de Florianópolis (www.pmf.sc.gov.br) e no site da Cinemateca Catarinense (www.cinematecacatarinense.org).

Serão contempladas três propostas na categoria ficção, cada uma recebendo R$ 30 mil; três na modalidade documentário (não-ficção), com premiação individual de R$ 15 mil; e uma na categoria animação, que também será premiada com R$ 15 mil. O prêmio é dirigido a proponentes, pessoa física, com residência comprovada em Florianópolis há pelo menos dois anos.

As produções de curta-metragem deverão ter duração de três a 15 minutos para animação, e de cinco a 15 minutos para os gêneros ficção e documentário no sistema final MiniDV ou DVCAM. A análise das propostas ficará sob a responsabilidade de uma comissão convidada pelo Funcine, que avaliará o projeto com base na originalidade e qualidade do roteiro; objetividade e rigor técnico; além da viabilidade técnica do orçamento proposto. O resultado da classificação será divulgado 45 dias após o fim do prazo de inscrição.

O Fundo Municipal de Cinema – Funcine foi criado em 18 de setembro de 1989 pela Lei 3.252, com o objetivo de apoiar a produção de filmes de curta e longa metragens de “caráter educativo e cultural” (Art. 1º.). O órgão é formado por representantes (titular e suplência) da Prefeitura da Capital (Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes), Associação Cinemateca Catarinense, Associação Brasileira de Documentaristas – ABD-SC, Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC e do Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos e Diversões – SATED.

Armando Carreirão

O cineasta Armando Carreirão, homenageado pelo edital, nasceu em 1925, em Florianópolis, e foi um dos pioneiros do cinema catarinense. Durante as décadas de 1950 e 1960, registrou imagens da cidade formando uma documentação original daquele período, que resultaram na produção de mais de 200 filmes, entre cinejornais e documentários. Carreirão foi o produtor do primeiro longa-metragem realizado em Santa Catarina, O Preço da Ilusão, filme que reproduzia o pensamento do Grupo Sul, ligado ao movimento modernista. Armando Carreirão faleceu em outubro de 2007, aos 82 anos.

Serviço

O quê: Lançamento do Prêmio de Incentivo à Produção Audiovisual

Armando Carreirão – edição 2010

Quando: quarta-feira (24/03) – 19h

Onde: Casa da Memória

Rua Padre Miguelinho nº 58 – Centro

Inscrições: até 7 de maio

Informações: Fundo Municipal de Cinema (Funcine)

Forte Santa Bárbara (sede da Fundação Franklin Cascaes)

Rua Antônio Luz nº 260 – Centro

(48) 3224-6591

(PMF, 24/03/2010)

spot_img
spot_img