25.9 C
fpolis
quarta-feira, dezembro 1, 2021
cinesytem

Semana Ousada de Arte começa na próxima segunda-feira em Florianópolis

spot_imgspot_img

Semana Ousada de Arte começa na próxima segunda-feira em Florianópolis

spot_img

Depois do Festival de Música da UFSC, do FAM, do FITA, do Festival de Teatro Iznard Azevedo e de uma bateria de eventos culturais que movimentaram a cidade nos últimos meses, Florianópolis volta a ser o palco da arte. A Secretaria de Cultura e Arte da UFSC e a Coordenadoria de Cultura da Udesc promovem, de 20 a 24 de setembro a 3ª Semana Ousada de Artes, que vai oferecer uma avalanche de eventos e manifestações artísticas gratuitos e abertos ao público. A procura pelas inscrições para as oficinas começou na segunda, 13, no site do evento e nesta quinta, 16, os postos de troca da UFSC e Udesc começam a trocar brinquedos pelo passaporte dos quatro principais espetáculos que ocorrerão à noite, no auditório Garapuvu, no Centro de Cultura e Eventos.

A terceira edição da Semana Ousada cresceu e vai insuflar arte em Florianópolis com aproximadamente 120 espetáculos de teatro, cinema, dança, música, moda multimídia, artes plásticas, além de exposições, oficinas de artes, ações educativas e palestras. A equipe organizadora selecionou eventos e projetos culturais que se destacam pela qualidade e ousadia porque trazem formatos, linguagens e propostas estéticas inovadoras. “São eventos que representam o melhor da pesquisa desenvolvida na área pelas universidades públicas do Estado”, explica Maria de Lourdes Borges, secretária de Cultura e Arte da UFSC, que coordena esse pool de eventos ao lado de Cláudia Messores, coordenadora de Cultura da Udesc.

A abertura oficial da Semana ocorre no dia 20, às 21 horas, no Centro de Cultura e Eventos da UFSC, seguida da apresentação da peça In on it, sucesso arrojado de público e crítica no país, duas vezes indicada para o Prêmio Shell (melhor direção e melhor ator). O público terá acesso as três peças concentradas no Auditório Garapuvu (In on it, Micro-revolução de um ser militante e Retrato de Augustine), nos dias 20, 21 e 22, e à apresentação musical, com Alberto Andrés Heller (piano), no dia 23, mediante a troca de quatro brinquedos novos ou usados em bom estado pelo passaporte para os eventos. A troca pode ser feita no halll do Centro de Eventos da UFSC, no Hall da Reitoria da Udesc e Museu da Escola Catarinense, das 9 às 17 horas, a partir da quarta-feira, 15. Para os demais espetáculos a entrada é livre.

São 12 exposições de moda, desenho, arquitetura e artesanato e ainda nove oficinas de escultura, improvisação em dança, ator performer, contos ousados, maquiagem cênica, cenografia, intervenção urbana e documentário, algumas já com elevado número de inscritos. As inscrições podem ser feitas pelo site do evento: www.semanaousada.ufsc.udesc.br, que traz a programação detalhada. A semana vai concentrar espetáculos reconhecidos por sua inovação estética, como Micro-revolução de um ser gritante, de Silvana Abreu, Encontros & Desencontros, de Márcio Cabral e Araeliz, Apenas uma fase em Off, de Zélia Sabino, O quarto fantasma, de Sônia Laiz Vernacci Velloso, Era uma vez no Pântano dos Gatos, de Carmen Fossari, Retrato de Augustine, de Maria Brígida de Miranda e A Mandrágora, da Companhia Brancaleone, entre 26 peças teatrais. “É uma oportunidade única de acesso gratuito a eventos e projetos culturais de qualidade e originalidade”, afirma Cláudia Messores.

A maior parte dos espetáculos ocorre no campus da UFSC e da Udesc, mas também haverá eventos no Teatro Pedro Ivo, além de atividades nas escolas e espaços culturais de várias partes da cidade e em alguns campus da Udesc no Estado, como Chapecó e Joinville. As ações educativas, por exemplo, incluem visita aos ateliês do curso de Artes Visuais da Udesc e apresentações de teatro, musicais e mostra de curtas-metragens do FAM na Biblioteca Pública de Santa Catarina e na Udesc. Essas atividades envolvem 300 alunos de seis Escolas Básicas do Estado: Presidente Roosevelt, Henrique Stodieck, Vitor Miguel, Leonor de Barros, Padre Anchieta e Simão Hess. Na programação estão previstas ainda duas mostras de cinema: a de Curtas da Udesc, incluindo vídeos de moda, e da Unisul, em um trabalho integrado com o Curso de Artes Cênicas da Udesc.

Em paralelo às apresentações artísticas, o dia 23 será dedicado à reflexão, com a realização do Seminário Filosofia e Arte “Bela natureza, bela arte e filosofia”. Coordenado pelo professor Jair Barboza, do Curso de Filosofia, o seminário inicia às 14 horas, no Auditório da Reitoria, e vai até as 20h30min, com uma série de palestras e mesas-redondas sobre as relações entre biologia, arte e o sentido da vida e a referência a filósofos como Nietzsche, Hölderlin e Heidegger, envolvendo pesquisadores de Florianópolis, Curitiba e São Paulo.

IN ON IT
Entre as grandes atrações está o espetáculo de abertura, no dia 20, às 21 horas, no Auditório Garapuvu do Centro de Cultura e Eventos, que traz de uma jornada de êxito em festivais e nos teatros do Rio e São Paulo, a peça In on It. Dirigida por Enrique Diaz, com texto do canadense Daniel MacIvor, a peça é uma cadeia de jogos internos. Dois atores, duas cadeiras e um casaco fazem um belo jogo cênico. Emilio de Mello e Fernando Eiras interpretam dez personagens, numa história ‘dentro’ da história: um dramaturgo tentando recriar um misterioso acidente de carro. Mas é ‘dentro’ do espectador que a peça acontece. “O cenário mínimo (duas cadeiras), os ângulos e a sequência não-linear recortam a ação, o que nos leva a tentar adivinhar o fim da trama – e a ser surpreendidos. Também há dois gêneros ‘dentro’ do mesmo espetáculo. Aproxima-se do teatro diversionista, das multidões, mas também do bom teatro pensante, para poucos”, crítica publicada em O Estadode S.Paulo.

spot_img
spot_img