19.2 C
fpolis
quinta-feira, outubro 21, 2021
cinesytem

Franklin Cascaes Publicações lança terceira edição de livro sobre Florianópolis

spot_img

Franklin Cascaes Publicações lança terceira edição de livro sobre Florianópolis

spot_img

Publicado pela primeira vez em 1993, o livro Florianópolis – Memória Urbana, de Eliane Veras da Veiga, consolida-se como um sucesso editorial da Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes (FCFFC). A terceira edição da obra, atualizada e com novidades, será lançada nesta sexta-feira (10/12), às 19h, no Museu Histórico de Santa Catarina – Palácio Cruz e Sousa. O novo volume, reeditado pela FFC Publicações, foi viabilizado por meio da Lei Rouanet, do Ministério da Cultura (MinC), com o patrocínio da Fundação Cultural Badesc, Fapesc, BRDE e Unisul.

Uma das novidades desta edição é um encarte especial com um mapa de Desterro, atual Florianópolis, em 1876. O livro aborda o aparecimento de ruas e praças, construção e história de edifícios, linguagens arquitetônicas, gerações de engenheiros e construtores, mudanças na paisagem e reflexões sobre a preservação do patrimônio cultural, atendendo inclusive aos objetivos de profissionais que enfocam a educação patrimonial.

A publicação visa oferecer a estudantes, pesquisadores e professores um material consistente que trata das mutações do processo urbano e arquitetônico da capital catarinense entre 1750 e 1930. “É um manancial de informações, que contribui para pensar e repensar a cidade histórica e que traz retorno à educação, à formação e à atuação prática no planejar, fazer e viver a cidade de Florianópolis”, comenta Eliane Veiga.
O livro possibilita ao leitor observar ações de preservação do patrimônio cultural que têm sido intensas, assim como identificar as regiões que sofrem maior especulação imobiliária. As dificuldades de trânsito e de transporte público e os grandes desafios para os projetos de restauro do patrimônio arquitetônico, que é constantemente alvo de ameaças à sua identidade e escala, também são assuntos presentes na obra.

A obra

Florianópolis – Memória Urbana foi um dos dez títulos mais vendidos pela Universidade Federal de Santa Catarina na primeira edição em 1993 e tornou-se um fenômeno de vendas ao ser relançado pela Fundação Franklin Cascaes Publicações, em 2008, sendo uma das obras mais procuradas nas livrarias da cidade e também na Casa da Memória, além de considerado referência para consulta nas faculdades de História, Arquitetura, Turismo e Jornalismo, entre outras áreas, e no ensino do segundo grau em Santa Catarina.

A terceira edição do livro – com 500 páginas de texto, 130 fotos e 21 mapas – revela paisagens antigas e recentes no processo de desenvolvimento da cidade. Metade dos dois mil exemplares impressos estará disponível nas livrarias locais e na Casa da Memória/FCFFC, no Centro, e a outra parte será distribuída gratuitamente às escolas do estado e bibliotecas públicas de todo o Brasil.

A autora

Arquiteta e urbanista, Eliane Veras da Veiga trabalha na Casa da Memória – Centro de Documentação da Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes (FCFFC), e também é professora do curso de Arquitetura e Urbanismo da Unisul. É autora de várias publicações, entre elas, os livros Florianópolis – Memória Urbana; Glossário de História da Arte e da Arquitetura; Acerca da História da Arte; Transporte Coletivo em Florianópolis – origens e destinos de uma cidade à beira-mar; Igrejas da Grande Florianópolis – pinturas de Cipriano; e do CD sobre a Casa da Memória.

Contribuiu também com a pesquisa histórica do vídeo-documentário Arquitetura na Ilha de Santa Catarina e do CD Fortalezas Multimídia: Anhatomirim. Eliane Veiga foi ainda coautora dos livros Atlas de Florianópolis; Fortificações Catarinenses: introdução ao seu estudo; Guia Circuito Cultural de Florianópolis; Guia Ruas de Florianópolis; e da revista Arquitetura em Transformação – Um Museu no Palácio Cruz e Sousa.

Serviço

O quê: Lançamento do livro Florianópolis – Memória Urbana (3ª edição),
Eliane Veras da Veiga
Fundação Franklin Cascaes Publicações, 500 p.
R$ 50,00

Quando: sexta-feira (10/12) – 19h

Onde: Museu Histórico de Santa Catarina – Palácio Cruz e Sousa
Praça 15 de Novembro

Quanto: gratuito

spot_img
spot_img