13.5 C
fpolis
sexta-feira, setembro 24, 2021
cinesytem

Fundação Catarinense de Educação Especial promoverá Festival de Equoterapia para pessoas com deficiência

spot_img

Fundação Catarinense de Educação Especial promoverá Festival de Equoterapia para pessoas com deficiência

spot_img

A Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE) promoverá na próxima quarta-feira, 10 , o 5º Festival de Equoterapia, tradicional evento de final de ano que marca o encerramento das atividades do Serviço de Equoterapia, voltado para pessoas com deficiência. Ele é realizado pelo Centro de Reabilitação Ana Maria Phillipi (Cener) em parceria com a Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC). Aberto ao público, o Festival ocorre a partir das 8h30 na Cavalaria da Polícia Militar, no Bairro de Barreiros, em São José, na Grande Florianópolis. As informações são da Assessoria de Comunicação do Governo do Estado.

Participarão do evento cerca de 20 praticantes, entre 4 e 30 anos, que realizarão apresentações ao longo da manhã de atividades e exercícios feitos ao longo da terapia, como alongamentos, volteio adaptado e jogos. Um circuito especial será montado pela Polícia Militar.

O Serviço de Equoterapia da FCEE funciona há 16 anos em parceria com a PMSC, por meio da unidade da Guarnição Especial de Polícia Militar Montada, localizada em São José. O convênio entre as duas instituições prevê a realização de tratamento terapêutico com cavalos (equoterapia) voltado para crianças e adultos com deficiência mental, física, autismo e outras necessidades especiais.

O atendimento gratuito é realizado por equitadores da PM em conjunto com a equipe técnica da FCEE, formada por fisioterapeutas, pedagogos, psicólogos e educadores físicos, responsável pela realização de planos psicoterapêuticos individualizados de acordo com a necessidade de cada praticante. Atualmente, 26 pessoas são beneficiadas com o tratamento que dura em média dois anos com freqüência de aulas de uma vez por semana.

Para terem acesso ao Serviço, os candidatos precisam passar pelo processo de seleção do Centro de Avaliação e Encaminhamento (CENAE) da FCEE, além de serem elegíveis para serem atendidos pelo CENER. O fluxo de entrada pela PMSC requer parentesco com policiais militares, com elegibilidade diferenciada (por exemplo, traumatismo raquimedular), mas passam, igualmente, por avaliação da FCEE.

O CENER é a unidade da FCEE responsável pelo processo de reabilitação das pessoas com deficiência intelectual ou transtorno global do desenvolvimento associados à deficiência neuromotora e/ou transtornos da linguagem. Ele possibilita o desenvolvimento de habilidades funcionais, de mobilidade, de coordenação motora geral e da fala, ampliando sua participação na sociedade. Desenvolve um trabalho articulado por meio de equipes multidisciplinares e interdisciplinares, visando abordar a pessoa com deficiência de forma global.

Sobre a Equoterapia

A equoterapia é um recurso terapêutico e educacional que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar, nas áreas da saúde, da educação e da equitação buscando o desenvolvimento biopsicossocial das pessoas com deficiências. Proporciona ao praticante a reabilitação física e o desenvolvimento neuropsicomotor, educacional, social e afetivo. Atua de forma global, respeitando suas potencialidades e limitações, proporcionando uma melhor qualidade de vida. Seus benefícios vão muito além da coordenação motora, auxiliando também na afetividade, na autoestima, na psicomotricidade e na organização espacial e temporal.

spot_img
spot_img

Leia mais