19.1 C
fpolis
segunda-feira, setembro 27, 2021
cinesytem

Havaiana conquista título feminino do Oceano Santa Catarina Pro na Joaquina

spot_img

Havaiana conquista título feminino do Oceano Santa Catarina Pro na Joaquina

spot_img

A havaiana Coco Ho festejou o primeiro título do Oceano Santa Catarina Pro nesta quarta-feira, 22, na Praia da Joaquina, em Florianópolis. Ela derrotou a australiana Keely Andrew na final da última etapa do ASP 5-Star do ano e se tornou a maior vencedora em etapas do WQS no Brasil e na América do Sul.

Além do prêmio de 8 mil dólares, a havaiana garantiu sua permanência na elite das top-17 do WCT com os 2.000 pontos recebidos em Florianópolis.

Em 2010, Coco Ho já havia ganhado duas provas seguidas no Brasil, em Salvador (BA) e em Florianópolis (SC) também, só que na vizinha Praia Mole. Agora é a primeira a conquistar a terceira vitória e os 2.000 pontos do título na Joaquina a levaram da quinta para a segunda posição no ranking do ASP Qualification Series que continua liderado pela brasileira Silvana Lima.

A australiana Keely Andrew tinha registrado um novo recorde de 18,20 pontos de 20 possíveis para o ASP 5-Star Oceano Santa Catarina Pro, quando derrotou a sua compatriota Nikki Van Dijk nas semifinais. Mas, na decisão do título, a havaiana Coco Ho surfou as melhores ondas que entraram na bateria e confirmou a vitória com a nota 9,0 da sua melhor apresentação nas ondas da Praia da Joaquina. Com ela, atingiu 16,33 pontos contra apenas 9,03 das duas notas computadas pela australiana.

Brasileiras

As brasileiras não conseguiram avançar muito no ASP 5-Star Oceano Santa Catarina Pro. Elas não passaram da segunda fase disputada na terça-feira, 21, sendo eliminadas nos primeiros confrontos do dia.

A catarinense Chantalla Furlanetto foi barrada junto com a sul-africana Tanika Hoffman pela australiana Nikki Van Dijk e Chelsea Tuach, de Barbados. E na disputa pelas duas últimas vagas nas quartas de final, a australiana Keely Andrew e a francesa Pauline Ado levaram a melhor sobre a líder isolada no ranking do ASP Qualification Series, Silvana Lima. A cearense e a paranaense Nathalie Martins perderam nesta bateria.

spot_img
spot_img

Leia mais