23.5 C
fpolis
quarta-feira, dezembro 1, 2021
cinesytem

11ª Feira do Mel acontece nesta semana em Florianópolis

spot_imgspot_img

11ª Feira do Mel acontece nesta semana em Florianópolis

spot_img

A 11ª Feira do Mel acontece de 9 a 12 de junho, no Largo da Alfandega em Florianópolis, com apoio da Epagri e da Prefeitura Municipal. Destaque para a comercialização do mel a R$ 9,00 o quilo. A abertura oficial da Feira do Mel acontece às 10h do dia 9 de junho.

A Feira conta com 18 expositores de diversas regiões de Santa Catarina como Bom Retiro, São José, Ibirama, Içara, Grande Florianópolis, Urubici, Presidente Getúlio, Imbituba, Araranguá, Palhoça, Videira, Paulo Lopes, São Bonifácio, São Joaquim, Alfredo Wagner, Balneário Gaivotas, Porto União e Tubarão.

“É importante este espaço para os apicultores de várias regiões do Estado comercializarem o seu produto”, afirmou o presidente da Epagri, Luiz Hessmann. Além da venda de mel, serão comercializados outros derivados como pólen, própolis, geléia real, cera de abelha e cosméticos. No ano passado, foram comercializadas cerca de 30 toneladas de mel nos três dias de feira, que teve público superior a 50 mil pessoas.

“O objetivo dessa feira é levar à população um produto natural, saudável a um preço acessível”, explica o chefe da Cidade das Abelhas da Epagri, Walter Miguel, lembrando que o mel é um alimento e não um remédio e que pode e deve ser consumido diariamente. Para se ter uma idéia da falta de hábito dos brasileiros em consumir mel, o consumo nacional é de 120 gramas por ano por pessoa e o dos alemães é de 3,4 quilos/ano/pessoa.

Santa Catarina é o quinto produtor nacional de mel, embora mantenha a primeira colocação em produção por quilômetro quadrado, e também em termos de qualidade do produto pela diversidade floral, clima e pela qualificação e organização do apicultor. A produção anual catarinense fica em torno de 6 mil toneladas. Santa Catarina, que foi o pioneiro em exportação de mel, hoje está entre os primeiros em quantidade exportada e o é primeiro estado a de adequar à nova legislação internacional para o comércio de mel. O estado possui 73 associações, cerca de 30 mil apicultores com 400 mil colméias.

A promoção é da Federação das Associações dos Apicultores de Santa Catarina (FAASC) e tem patrocínio do Banco do Brasil.

spot_img
spot_img