19.2 C
fpolis
terça-feira, setembro 28, 2021
cinesytem

McDia Feliz: Maior campanha em prol do câncer infanto-juvenil acontece neste sábado

spot_img

McDia Feliz: Maior campanha em prol do câncer infanto-juvenil acontece neste sábado

spot_img

Em Santa Catarina duas instituições serão beneficiadas com a Campanha McDia Feliz, a AVOS em Florianópolis e o Hospital Infantil em Joinville

Todos os anos, o último sábado do mês de agosto é dia de transformar Big Mac em sorrisos. O evento, maior campanha em prol de crianças e adolescentes com câncer no Brasil, o McDia Feliz acontece neste sábado, dia 27 de agosto em todo o país. Além de despertar a atenção de toda a sociedade e sensibilizá-la para a maior causa de morte por doença entre crianças e jovens de 5 a 19 anos, a campanha coordenada pelo Instituto Ronald McDonald, visa captar recursos e concentrar esforços em projetos locais, regionais e nacionais a fim de contribuir para o aumento dos índices de cura do câncer infanto-juvenil.

São 73 projetos de 59 instituições de todo o país receberão recursos da campanha. Desde o primeiro McDia Feliz, em 1988, mais de 100 instituições de todo o país já foram apoiadas com a arrecadação de mais de R$ 114 milhões. Em Santa Catarina duas instituições serão beneficiadas com a campanha que ajuda mais de 30 mil crianças, adolescentes e seus familiares. Em Florianópolis a Associação de Voluntárias da Saúde do Hospital Infantil (AVOS) e em Joinville o Hospital Infantil em Joinville.

Nova Casa de Apoio em Florianópolis

Fundada há 35 anos, a Associação de Voluntárias do Hospital Infantil Joana de Gusmão – AVOS, é considerada a mais antiga entidade na luta contra o câncer infanto-juvenil no Brasil. Este ano a AVOS está concretizando um sonho antigo: a construção de uma nova Casa de Apoio para crianças, jovens em tratamento contra o câncer e seus acompanhantes, no Hospital Infantil Joana de Gusmão (HIJG), em Florianópolis, que receberá o nome Casa Vovó Gertrudes, uma homenagem mais do que justa a Maria Gertrudes da Luz Gomes. Atualmente Florianópolis já conta com uma Casa de Apoio, também anexa ao Hospital Infantil, porém já obsoleta e que não consegue atender a demanda.

Com a nova Casa será ampliada a capacidade de atendimento de 30 para 60 pessoas por dia. Serão mais de mil metros quadrados de infraestrutura para melhor atender àqueles que necessitam de amparo longe de sua moradia. “Atualmente, a Casa de Apoio do Hospital Infantil Joana de Gusmão é o único local gratuito disponível para a acomodação de pacientes de fora da Grande Florianópolis em tratamento contra o câncer no hospital. O fluxo de pessoas encaminhadas para a Casa hoje é maior do que a capacidade do abrigo e há muitos anos a AVOS luta pela construção de uma nova casa”, afirma a coordenadora da instituição Maria Gertrudes da Luz Gomes, 76 anos.

O empreendimento está sendo concretizado graças às arrecadações da campanha McDia Feliz desde 2006 e demais ações sociais realizadas pela Associação de Voluntárias do Hospital Infantil Joana de Gusmão.

O terreno onde está sendo construída a nova Casa de Apoio tem 2.615 m² e foi cedido pelo Governo do Estado de Santa Catarina em comodato para a Associação. Com a nova Casa de Apoio, além da ampliação da capacidade de atendimento, com dormitórios equipados, banheiros, cozinha, contará com brinquedoteca, biblioteca, auditório, oficina de marcenaria, sala de convívio, lavanderia e refeitórios.

A obra já está em execução, a primeira laje já foi concretada e na próxima semana as paredes serão erguidas. A previsão para inauguração do espaço é no primeiro trimestre de 2012.

Joinville também terá uma Casa de Apoio

Em Joinville todo os recursos arrecadados com a venda de Big Mac no dia 27 de agosto serão revertidos para a construção da Casa de Apoio do Hospital, para crianças e jovens em tratamento de câncer. O projeto para a construção já está pronto e a Casa de Apoio será construída no terreno do próprio Hospital.

Com amplas instalações situadas à Rua Araranguá, no bairro América, o Hospital Materno Infantil presta atendimentos para crianças e jovens até 18 anos. Dispõe de Pronto-socorro, Maternidade, Ambulatório, Centro Cirúrgico, Centro Obstétrico, UTIs Pediátrica e Neonatal, além de alas de internação e toda a infraestrutura de suporte necessária. Todos os atendimentos são possibilitados pelo Sistema Único de Saúde e não geram custos aos pacientes.

Em 2009, a arrecadação do McDia Feliz foi destinada à aquisição de mobiliário e equipamento para a quimioterapia ambulatorial. A verba de 2010 juntamente com a de 2011 será utilizada para o início da construção da Casa de Apoio.

Sobre o Instituto Ronald McDonald e programas

O Instituto Ronald McDonald é uma instituição sem fins lucrativos cuja missão é promover a saúde e a qualidade de vida de crianças e adolescentes com câncer. Para isso, a organização desenvolve e coordena Programas – Diagnóstico Precoce, Atenção Integral e Casas Ronald McDonald – que possibilitam o diagnóstico precoce, encaminhamento adequado e atendimento integral e de qualidade para os jovens pacientes e seus familiares. As principais fontes de arrecadação do Instituto Ronald McDonald são o McDia Feliz – maior e mais abrangente campanha nacional no combate ao câncer infantojuvenil – e a Campanha dos Cofrinhos, iniciativa que conta com a doação de trocos dos clientes dos restaurantes McDonald’s. Com mais de dez anos de atuação, o Instituto Ronald McDonald articula diferentes agentes da causa e destina de recursos a projetos de construção e reforma de casas de apoio e unidades médicas, compra de equipamentos e veículos, capacitação profissional e apoio psicossocial a pacientes e familiares, entre muitos outros. Saiba mais sobre as fontes de arrecadação, os programas e as instituições beneficiadas em www.instituto-ronald.org.br.

spot_img
spot_img

Leia mais