23 C
fpolis
domingo, novembro 28, 2021
cinesytem

Menos de 10% das empresas de SC utilizam benefícios da Lei do Bem

spot_img

Menos de 10% das empresas de SC utilizam benefícios da Lei do Bem

spot_img

Os recursos que poderiam impulsionar a inovação no Estado ainda são pouco utilizados por empresas de Santa Catarina. Das 692 que teriam direito aos benefícios fiscais da Lei do Bem, apenas 51 chegaram a utilizá-los em 2012. Os incentivos governamentais à inovação foram um dos temas tratados nesta quarta-feira,22, no terceiro dia da Jornada Inovação e Competitividade da Indústria Catarinense. O evento, realizado pelo Sistema FIESC, reuniu empresários e profissionais na sede da entidade, em Florianópolis, e também apresentou cases de empresas inovadoras do Estado.

A “Lei do Bem” é uma das formas existentes no Brasil para viabilizar projetos de inovação, pesquisa e desenvolvimento, que podem ser tanto em produtos quanto de processos. Com ela, empresas podem deduzir dos impostos os investimentos em inovação, em uma faixa que pode variar de 60 a 100%. No entanto, menos de 10% das pessoas jurídicas que teriam direito utilizam esses incentivos.

Para incentivar a inovação no Estado, o governo Estadual também pretende investir R$ 45 milhões com o programa Inova SC, conforme apresentou o diretor de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável, José Roberto Provesi. Os projetos incluem dez centros de inovação, que vão reunir instituições e empresas do setor como forma de aproximar os melhores profissionais do mercado.

A Grande Florianópolis também contará com outros dois polos de pesquisa aplicada. Serão instalados na região os Institutos SENAI de Inovação em Sistemas Embarcados e de Tecnologias Laser. O andamento desses projetos foi apresentado pelo diretor regional do SENAI/SC, Sérgio Roberto Arruda. A intenção é oferecer serviços avançados e tecnologias de ponta que ajudem as empresas no desenvolvimento de novas aplicações.

Independente dos incentivos, Santa Catarina também possui bons exemplos de empresas que apostam na inovação como forma de se diferenciar e se manterem-se competitivas. Sete delas apresentaram suas boas práticas no terceiro dia da Jornada Inovação e Competitividade: Schaefer Yacths (da Grande Florianópolis), Víqua (Joinville), Inplac (Biguaçu), C-Pack (São José), Farben (Içara), Paradigma e Nanovetores (Florianópolis).

spot_img
spot_img