27.1 C
fpolis
terça-feira, novembro 30, 2021
cinesytem

Mostra ambiental traz o Maciço do Morro da Cruz à universidade

spot_img

Mostra ambiental traz o Maciço do Morro da Cruz à universidade

spot_img

A UFSC vai receber pela primeira vez, entre os dias 30 de junho e 2 de julho, no Hall da Reitoria, a Mostra Ambiental das Escolas do Maciço do Morro da Cruz. O evento está na sua sexta edição e vai contar com 40 trabalhos de alunos e professores das escolas públicas da região. O tema deste ano são os problemas da ocupação urbana desordenada dá área – formada por morros onde ainda há Mata Atlântica. A mostra está sendo organizada pela Comissão de Educação do Fórum do Maciço do Morro da Cruz em parceria com o Núcleo de Estudos e Pesquisa “Educação e Sociedade Contemporânea” do Centro de Ciências da Educação (CED). O Fórum é um movimento social que também reivindica melhorias na segurança e nas habitações. Ele foi formado
nos anos 1990 pela reunião de Conselhos Comunitários.

A Mostra começa no dia 30, às 8h, no Auditório da Reitoria, com o Seminário de Socialização das Experiências de Estágio, em que os alunos de Educação Física da universidade vão compartilhar as suas experiências dentro das escolas do Maciço. “Eles farão um relato da investigação sobre a realidade educacional e de prática pedagógica realizada no âmbito dos colégios”, explica a professora do Departamento de Metodologia de Ensino (MED) do Centro de Ciências da Educação (CED) Luciana Marcassa, que participa da Comissão de Educação do Fórum. A abertura oficial do evento a visitações acontece às 14h do dia 30. Nos outros dias, os trabalhos ficarão expostos das 08h às 18h.

Também está programada para o dia 30, às 19h, no Auditório da Reitoria, a mesa-redonda “Os projetos da UFSC no Maciço do Morro da Cruz”, que pretende reunir grupos de pesquisa, laboratórios e núcleos que desenvolvem ou já desenvolveram projetos de extensão na área. O objetivo desse encontro é debater os problemas do Maciço a partir de uma visão multidisciplinar e discutir a possibilidade de integrar todos esses projetos, de forma a institucionalizar a ação da universidade dentro dessas comunidades. Os convidados vêm de campos como a Arquitetura, Educação Física – através do Grupo de Estudos sobre Cultura Popular e de Movimento (GECUPEM) –, Geografia e Serviço Social.

O mais novo projeto – “Formação Continuada de Professores do Fórum do Maciço do Morro da Cruz” – foi um dos cinco trabalhos da UFSC contemplados em junho pelo Programa de Extensão Universitário do Ministério da Educação (Proext). Coordenado pela professora Luciana Marcassa, tem o objetivo de capacitar os professores para lidar com os problemas da comunidade que se refletem na sala de aula.

Mais informações: Professora Luciana Marcassa – MED/CED,- Tel: 3721-2216.-E-mail: lumarcassa@hotmail.com.

Por Ingrid Fagundez/bolsista de jornalismo na AGECOM

spot_img
spot_img

Leia mais