18.6 C
fpolis
quinta-feira, maio 26, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Novo aeroporto Hercílio Luz ficará pronto em março de 2014

spot_img

Novo aeroporto Hercílio Luz ficará pronto em março de 2014

spot_imgspot_img

O novo aeroporto Hercílio Luz, de Florianópolis, ficará pronto em março de 2014, afirmou na noite desta terça-feira (03/08) a superintendente do terminal aéreo, Maria Edwirges Madeira, ao ocupar a tribuna livre, na sessão da Câmara de Vereadores, em convite proposto por requerimento do vereador João Amin (PP). A obra faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A explanação foi acompanhada, nas galerias do Legislativo, por representantes de diversas entidades, públicas e privadas, estaduais e municipais, direta e indiretamente interessadas no assunto, como dos segmentos de hotelaria, construção civil, comércio, indústria e serviços, dentre outros.

Em sua exposição, a dirigente da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), que administra o aeroporto, fez uma apresentação da atual situação do Hercílio Luz, que é o 14º terminal mais movimentado do Brasil, onde embarcaram e desembaraçaram 2.180.000 passageiros em 2009. Devido às condições climáticas – exceto, excepcionalmente, o vento – opera 24 horas por dia e em 99% do tempo. É o que mais tempo fica aberto em toda a região Sul do Brasil.

O novo terminal já tem seu projeto pronto, por concurso com participação de 150 profissionais de arquitetura e urbanismo. Dos 150 foram escolhidos 70 e dentre eles o vencedor, assinado pelos arquitetos Mário Biselli e Guilherme Motta, que foi inspirado na asa de um avião.

Em maio deste ano a Infraero, Governo do Estado e Prefeitura de Florianópolis assinaram um acordo onde cada um assumiu compromissos com a obra. O governo do Estado se comprometeu com a infraestrutura de acesso, abastecimento de água e energia elétrica, além de negociar com a UFSC a disponibilização de terreno para algumas instalações no novo terminal. O principal compromisso da Prefeitura é quanto a adaptação do Plano Diretor com o Plano Diretor do Aeroporto, que implica em mudanças no zoneamento. A Infraero cabe, pelo acordo, a construção do terminal, seu estacionamento de veículos e aeronaves, as pistas e a obtenção das licenças ambientais, que estão em estudo na Fatma. A expectativa da Infraero é que até junho de 2011 seja possível a conclusão da terraplanagem da área destinada ao novo complexo aeroportuário. A pretensão é que em 2012 se inicie a construção física do terminal.

Com área de 27 mil m², o edifício do novo Hercílio Luz terá três pavimentos, sendo dois abertos aos usuários e um destinado apenas à administração da Infraero. O andar térreo abrigará os espaços de venda de bilhetes, check-in de embarque, tratamento de bagagens, desembarque com free-shop, sala reservada a autoridades e escritórios das empresas aéreas e de órgãos públicos. Já no mezanino ficarão os espaços comerciais, as salas de embarque, conector e pontes de embarque, além da praça de alimentação e de um terraço panorâmico.

O projeto de Biselli e Motta tem fachada metálica, que permite a entrada da luz natural por meio de aberturas ao longo de todo o perímetro do edifício, sempre amenizada por beirais e quebra-sol. Nas áreas centrais do projeto, uma abertura zenital, igualmente protegida, amplia ainda mais a entrada de luz nas áreas internas. Com as ampliações, o terminal atenderá 2,7 milhões de passageiros por ano. A obra está orçada em R$ 436 milhões, sendo que R$ 107 milhões virão do Governo Estadual, R$ 316,4 milhões da Infraero e R$ 13 milhões do Município.

Foto/Divulgação Mário Biselli

spot_img