17.6 C
fpolis
quarta-feira, julho 6, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Orquestra Sinfônica das Comunidades faz apresentação gratuita em shopping da Capital

Orquestra Sinfônica das Comunidades faz apresentação gratuita em shopping da Capital

spot_imgspot_img

Muita sensibilidade, alegria e reflexão é o que a Orquestra Sinfônica de Comunidades trará no próximo domingo, dia 9, em mais uma apresentação do Circuito Catarinense de Orquestras 2008. O concerto promete emocionar o público com clássicos natalinos, interpretados por 70 jovens de comunidades carentes, com idades entre 8 e 18 anos.

A apresentação, que tem entrada franca, acontece a partir das 19h, na parte externa do Floripa Shopping, durante a chegada do Papai Noel e lançamento da decoração natalina. “No concerto serão apresentadas músicas clássicas do Natal, já que estamos em uma época onde as pessoas começam a se preparar para as Festas. Vai ter muita emoção”, explica o maestro da orquestra, André Calibrina.

A Orquestra Sinfônica das Comunidades nasceu em 2003 e tem como objetivo profissionalizar jovens, matriculados na rede pública de ensino e com renda familiar de até dois salários mínimos, na carreira musical. Um total de 21 comunidade participam do projeto, tendo aulas em espaços cedidos por escolas e associações de moradores. Para Calibrina, jovens que participam do projeto têm a opção de seguir uma carreira na área musical, não apenas por aprenderem uma profissão, mas por estarem capacitados para enfrentar provas teóricas e práticas das faculdades de Música.

Realizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte e a Fundação Catarinense de Cultura (FCC) e apoio do Funcultural, o Circuito Catarinense de Orquestras está em sua segunda edição e prevê apresentações em diversas regiões catarinenses até dezembro.

Sobre o maestro – André Calibrina iniciou seu trabalho musical com as comunidades de Florianópolis após chegar do Rio de Janeiro, em 1984, quando foi aprovado no concurso para tocar tuba na Banda da Aeronáutica. No final de 1999, quando assistia o ensaio da escola de samba Embaixada Copa Lord, viu uma de suas dirigentes com um grande grupo de crianças da comunidade do Mont Serrat. Surgiu então a idéia de levar o ensino musical aos morros da cidade, para envolver crianças e adolescentes num grande projeto artístico e social.

spot_img