fique por dentro de floripa

- Grande Florianópolis - Palhoça decreta situação de emergência para evitar desperdício de água

08.08.2019

Palhoça decreta situação de emergência para evitar desperdício de água

08.08.2019
Palhoça decreta situação de emergência para evitar desperdício de água
Foto: Divulgação

Decreto é direcionado aos órgãos da administração pública e, para a população, tem o objetivo de conscientizar sobre o uso racional e controlado.

Em virtude da estiagem que se prolonga por um longo período, provocando a redução dos níveis de reservatórios da Casan, a Prefeitura de Palhoça declara “situação de emergência no sistema de abastecimento de água do município”. O decreto vale para os órgãos da administração pública municipal e, por ora, visa a conscientização da população sobre o uso racional da água.

Na edição do Decreto no. 2.493, assinado no final da tarde desta quinta-feira (8), o prefeito Camilo Martins levou em consideração os relatórios elaborados pela Secretaria Executiva de Saneamento (Samae), que compra a água tratada da Casan e faz a distribuição no município, bem como informações prestadas pela estatal, responsável pela coleta e tratamento de água que abastece Palhoça e municípios vizinhos.

Tanto a Samae quanto a Casan indicam que “a estiagem vem gerando baixa pressão e diminuição dos níveis de água nos locais de sua captação”, confirma o decreto. Essa situação “vem gerando intermitências na rede de algumas áreas do município, fato que não pode ser atribuído à Samae de Palhoça”.

Um dos objetivos do decreto é conscientizar a população quanto ao consumo de água potável, que precisa ser “racional e controlado”.

Os alvos do decreto são os órgãos públicos do município, administração direta e indireta, aos quais fica vedado “o uso de água tratada canalizada e fornecida pela Samae de Palhoça, para efetuar a limpeza de calçadas, passeios públicos, pátios de imóveis públicos municipais, inclusive para lavar veículos da frota oficial, enquanto perdurar a estiagem”.

O descumprimento do decreto ensejará ao infrator "as sanções cabíveis no âmbito administrativo do município, devendo recair sobre o gestor diretamente responsável pelo bem ou local".

Conteúdos relacionados

Ver mais conteúdos

Casa de Campo do Governador Hercílio Luz reabre para visitação

22.11.2019

Casa de Campo do Governador Hercílio Luz reabre para visitação

São José ganha loja do Brasil Atacadista no próximo dia 29

21.11.2019

São José ganha loja do Brasil Atacadista no próximo dia 29

“Cidade Inteligente Agora” debate a importância do planejamento urbano para um futuro de qualidade

19.11.2019

“Cidade Inteligente Agora” debate a importância do planejamento urbano para um futuro de qualidade

Saiba mais sobre Florianópolis no deolhonailha.com.br O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.

Anuncie no portal.
Entre em contato.