25 C
fpolis
quarta-feira, janeiro 19, 2022
cinesytem

Prefeitura de Florianópolis cria grupo de resposta rápida para emergências que envolvam a Defesa Civil

Prefeitura de Florianópolis cria grupo de resposta rápida para emergências que envolvam a Defesa Civil

spot_img

A Prefeitura de Florianópolis publicou nesta quarta-feira, 1º, o decreto que consolida o Grupo de Ações Coordenadas (Graco), formado para dar rápida resposta às emergências que envolvem a Defesa Civil, integrada aos demais órgãos da administração municipal. A ação foi desencadeada na no dia anterior, pelo vice-prefeito João Batista Nunes, após a chuva que atinge a região causar desmoronamentos e alagamentos em diversos pontos da cidade.

Segundo Luiz Eduardo Machado, que coordena as ações da Defesa Civil, desde terça-feira foram desalojadas 500 pessoas, principalmente de áreas de alagamento no Norte da Ilha. Um total de nove residências foram interditadas após deslizamentos de terra no Saco dos Limões – com uma pessoa morta e um ferido no primeiro dia de emergência. “Devemos manter o alerta, pois o solo está encharcado e a tendência é que ocorram mais deslizamentos”, disse.

Com acumulado de 164 mm de água em alguns pontos da Capital, as equipes mantêm-se mobilizadas para o atendimento à população atingida. Caso haja necessidade de abrigamento de pessoas desalojadas, o Centro POP, na Passarela Nego Quirido, já está preparado pela Secretaria de Assistência Social, com capacidade para receber até 150 pessoas.

Mais recursos

Florianópolis é um dos únicos municípios do Estado a ter um mapeamento de áreas de risco, elaborado pela Defesa Civil da Capital, além do plano de contingência, que envolve além das secretarias municipais, a Defesa Civil do Estado, Epagri e o Cemaden (Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Nacionais).

A Capital tem, atualmente, 23 mil pessoas vivendo em áreas consideradas de risco. De Brasília, o prefeito Gean Loureiro conseguiu a garantia de repasse de R$ 3 milhões da Secretaria Nacional de Defesa Civil para obras de drenagem que evitarão nosso alagamentos no município.

As informações são da Secretaria de Comunicação da Prefeitura da Capital.

spot_img
spot_img