23.3 C
fpolis
sexta-feira, dezembro 3, 2021
cinesytem

Prefeitura de Florianópolis retoma projeto de castração animal

spot_imgspot_img

Prefeitura de Florianópolis retoma projeto de castração animal

spot_img

A Prefeitura de Florianópolis retomou o projeto de castração de cães e gatos de estimação iniciado no ano passado pela Diretoria de Bem-Estar Animal da Secretaria Municipal de Saúde. Em 2014, o trabalho começou pelo Continente, atendendo moradores do bairro Monte Cristo. Nesta quinta-feira, 23, o primeiro grupo de animais castrados foi devolvido aos donos e donas. As informações são da Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Florianópolis.

A Diretoria do Bem-Estar Animal, que no final do ano passado começou a fazer a castração no Continente pela Vila Aparecida e também já esteve na Coloninha, tem um roteiro extenso de atividades na região.

Na semana que vem a ação voltará a ser realizada na Coloninha para continuar atendendo à demanda, assim como deverá fazer no Monte Cristo e em outras comunidades, no caso de haver necessidade.

Outros bairros previstos para serem contemplados pela ação até o dia 19 de fevereiro são o Jardim Atlântico, a Ponta do Leal e o Estreito.

De acordo com o Diretor da Pasta, Eduardo Cavallazzi, a intenção é a de que mil animais sejam castrados no Continente até o mês de abril, atendendo 25 cães e gatos por dia, num total de 500 por mês.

Critério

A regionalização da castração foi adotada pela DIBEA de forma a realizar um trabalho planejado e massificado, atendendo a todos os bairros da cidade. Segundo o diretor, para ter acesso à castração do animal de estimação é necessário apresentar carteira de identidade (e será cadastrado como o proprietário do bicho), comprovante de residência em Florianópolis e comprovante de renda familiar de até dois salários mínimos brutos.

Cabe explicar que a ação da Prefeitura Municipal não beneficia os animais soltos pela Capital porque após o procedimento cirúrgico eles precisam ser observados por um responsável por um período de sete dias. E não seria possível recolher os bichos de rua para fins de castração para soltá-los em seguida, sem os devidos cuidados, nem tampouco mantê-los sob a atenção do setor público.

Balanço de 2013

No ano de 2013, a Prefeitura de Florianópolis, através da Diretoria de Bem-Estar Animal castrou 4.100 animais em ações realizadas em Canasvieiras, Vargem do Bom Jesus, Tapera, Ribeirão da Ilha, Campeche e Vila Aparecida.
 

spot_img
spot_img