fique por dentro de floripa

- Saúde - Profissionais do HU-UFSC garantem direito de recém-nascidos ao Teste do Pezinho

04.06.2021

Profissionais do HU-UFSC garantem direito de recém-nascidos ao Teste do Pezinho

04.06.2021
Profissionais do HU-UFSC garantem direito de recém-nascidos ao Teste do Pezinho
Foto: Divulgação

 

O dia 6 de junho é o Dia Nacional do Teste do Pezinho, como é conhecida a coleta de sangue de recém-nascidos para identificação de doenças metabólicas, genéticas e infecciosas. O tratamento precoce destas doenças possibilita o desenvolvimento físico e mental adequado às crianças, sendo que no Hospital Universitário Professor Polydoro Ernani de São Thiago (HU-UFSC/Ebserh) todas as crianças que ficam mais de dois dias internadas têm amostras recolhidas.

A chefe da Unidade de Cuidados Intensivos e Semi Intensivos Neonatais (UTI Neo) do HU, Carolina Junges, explicou que o teste deverá ser realizado entre o segundo e quinto dia de vida do recém-nascido, sendo observadas as particularidades de cada caso, como prematuridade e transfusão sanguínea. Portanto, os bebês que têm alta em até 48 horas são encaminhados para a coleta de amostra na Unidade Básica de Saúde (UBS) de suas comunidades. No ano passado foram coletadas 321 amostras na instituição, sendo a maioria de pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal.

Com esta simples coleta, um direito de todo recém-nascido no Brasil, é possível identificar precocemente: Hipotireoidismo Congênito (HC), Fenilcetonúria (PKU), Doença Falciforme (DF), Aminoacidopatias (AA), Fibrose Cística (FC), Hiperplasia Adrenal Congênita (HAC) e Deficiência de Biotinidase (BIO), sendo que foi sancionada uma lei prevendo a ampliação do número de doenças cobertas por este teste.

Carolina Junges explicou que, na prática, o profissional de Enfermagem responsável pela assistência faz a coleta da amostra, que é colocada em um cartão próprio para este procedimento e, em seguida, em um envelope destinado à Fundação Ecumênica de Proteção ao Excepcional, no Paraná, responsável pela realização do Programa Nacional de Triagem Neonatal, que também é credenciada como Laboratório Especializado em Triagem Neonatal para o estado de Santa Catarina.

Os casos positivos são encaminhados para tratamento, o mais rápido possível, diminuindo as chances de que o recém-nascido venha a desenvolver complicações graves causadas pelas doenças pesquisadas. O Dia Nacional do Teste do Pezinho, instituído pela Lei nº 11.605/2.007, tem como meta informar à população os objetivos do Programa Nacional de Triagem Neonatal, a importância da realização do teste e sua obrigatoriedade para todos os recém-nascidos. A médica pediatra do HU-UFSC/Ebserh, Giovana Carla Trilha, ressaltou a importância da realização deste teste. “O teste detecta doenças que se não forem tratadas precocemente podem levar a sequelas e, se forem identificadas a tempo, têm tratamento”, explicou.

Conteúdos relacionados

Ver mais conteúdos

Matriz de Risco aponta todas as 16 regiões de Santa Catarina em situação gravíssima

13.06.2021

Matriz de Risco aponta todas as 16 regiões de Santa Catarina em situação gravíssima

Higienização oral previne 56% das infecções respiratórias em pacientes internados em UTIs

11.06.2021

Higienização oral previne 56% das infecções respiratórias em pacientes internados em UTIs

Florianópolis começa a vacinar pessoas de 54 anos ou + nesta quarta-feira

09.06.2021

Florianópolis começa a vacinar pessoas de 54 anos ou + nesta quarta-feira

Saiba mais sobre Florianópolis no deolhonailha.com.br O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.

Anuncie no portal.
Entre em contato.