16.5 C
fpolis
domingo, julho 3, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Projeto da Zona Azul nos balneários é arquivado

Projeto da Zona Azul nos balneários é arquivado

spot_imgspot_img

Em reunião com vereadores de sua base de apoio na Câmara, dentre eles seu presidente, Gean Loureiro, que sugeriu o encontro, no final da tarde de hoje (23/11), o prefeito Dário Berger foi convencido a transferir para o próximo ano a discussão sobre o projeto de lei 14.221/2010, do Executivo que institui a zona azul (estacionamento rotativo pago) em balneários da Ilha de Santa Catarina. O projeto original previa o inicio da cobrança no período entre 1º de dezembro deste ano a 31 de março de 2011, nos balneários do norte, leste e sul da Ilha, de segunda-feira a domingo, das 8 às 19 horas. Na reunião, em comum acordo, deliberou-se pelo arquivamento do projeto e pela realização de uma ampla discussão em 2011, com a realização de audiências públicas nas comunidades, de forma que elas, através de suas entidades representativas, decidam a melhor solução.

O prefeito Dário Berger disse que os argumentos dos vereadores o convenceram de que a zona azul “não é prioritária no momento” e que o tema é “realmente muito polêmico” . Admitiu que sua base no Legislativo já estava enfrentando “muitas dificuldades” para encaminhar o projeto e que o melhor seria arquivá-lo, por enquanto.

Os vereadores da base de apoio ao prefeito explicaram que como o projeto tem fortes implicações no cotidiano de verão dos balneários, que tem diferentes realidades na sua configuração urbana – alguns com mais e outros com menos espaço para estacionamento de veículos, por exemplo – a melhor alternativa seria levar sua discussão para as comunidades diretamente interessadas, através de audiências públicas. O prefeito, diante da reação ao projeto, afirmou que não precisa ser exatamente zona azul, mas qualquer outro mecanismo de controle que melhore a mobilidade nos balneários. “O Executivo está aberto na busca de melhores alternativas”, disse.

spot_img