19.2 C
fpolis
domingo, outubro 24, 2021
cinesytem

Nova região turística, Vale das Águas reúne balneários, história e religiosidade no Oeste de SC

spot_img

Nova região turística, Vale das Águas reúne balneários, história e religiosidade no Oeste de SC

spot_img

 A nova região turística Vale das Águas é composta por 26 municípios localizados na parte Oeste de Santa Catarina. Destes, 11 já foram incluídos no Mapa do Turismo Brasileiro, organizado pelo Ministério do Turismo. São eles: Águas de Chapecó, Caibi, Formosa do Sul, Maravilha, Mondaí, Palmitos, Planalto Alegre, Quilombo, Santiago do Sul, São Carlos e União do Oeste.

Completam a região os municípios de Águas Frias, Caxambu do Sul, Cunha Porã, Cunhataí, Flor do Sertão, Iraceminha, Irati, Jardinópolis, Modelo, Nova Erechim, Pinhalzinho, Riqueza, Saudades, Serra Alta e Sul Brasil.

Conforme o presidente a Instância de Governança do Vale das Águas, Rodrigo Conci, a criação de uma nova região foi motivada pela presença de águas termais, rios, lagos formados por barragens e cachoeiras no território dos municípios. “Agora temos a possibilidade de mostrar e promover esses potenciais. Além disso, essa boa notícia deu um novo ânimo aos gestores municipais e aos empresários. Está sendo incrível ver como as cidades voltaram a acreditar no turismo!”, comemora Conci.

A portaria que oficializou a criação do Vale das Águas foi publicada no Diário Oficial da União do dia 12 de julho de 2016. Para que a região fosse criada, o processo foi analisado e validado pelo Conselho Estadual de Turismo no dia 27 de abril. Além disso, foi aprovado também pelo secretário estadual de Turismo, Cultura e Esporte, Filipe Mello.

Atrações

Como o próprio nome já define, a água é o principal elemento presente nos atrativos turísticos da região. Um dos destaques é a cachoeira Salto Saudades, em Quilombo, formada por várias quedas d’água no Rio Chapecó. O local fica a cerca de 20 km do centro da cidade.Em toda a região são encontrados diversos estabelecimentos com águas termais, com destaque para Palmitos (foto), Quilombo, São Carlos e Águas de Chapecó.

O Rio Uruguai, que passa por várias cidades do Vale das Águas, também é um atrativo que pode ser explorado de diversas maneiras, por meio de passeios de barco ou jornadas nos balneários de água doce. Um exemplo de aproveitamento do entorno do Rio é a estrutura de um empreendimento de águas termais na cidade de Águas de Chapecó.

O turismo religioso também está presente na região, com igrejas antigas. Um exemplo é a capela São Cristóvão, em Formosa do Sul, edificada pelos moradores da comunidade por volta de 1965. É uma das poucas construções que ainda restam do período da colonização.

O Santuario de Nossa Senhora da Salete, localizado na cidade de Caibi, conta com a visita de centenas de devotos, especialmente quando são celebradas missas com a presença do Bispo da Diocese de Chapecó.

Na cidade de Modelo também há igrejas que representam a cultura arquitetônica antiga e religiosa, que foram construídas pelos primeiros colonizadores alemães e italianos.

Além disso, percorrendo as cidades, é possível identificar traços dos povos colonizadores, como os italianos e os alemães. A Casa da Memória, em São Carlos, preserva a história dos imigrantes com objetos, fotos e utensílios agrícolas das famílias que povoaram a região.

As informações são da Assessoria de Comunicação do Governo do Estado. As fotos são de Divulgação do Vale das Águas.

spot_img
spot_img