fique por dentro de floripa

- Economia e Negócios - Santa Catarina registra alta de 0,4% na inadimplência aponta Facisc

04.11.2019

Santa Catarina registra alta de 0,4% na inadimplência aponta Facisc

04.11.2019
Santa Catarina registra alta de 0,4% na inadimplência aponta Facisc
Foto: Divulgação

Dados fazem parte do relatório de indicadores de inadimplência e recuperação de crédito divulgados pela Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc) com base nos dados da Boa Vista

Em Santa Catarina, o Indicador de Registros de Inadimplentes cresceu 0,4% e o Indicador de Recuperação de Crédito do Consumidor recuou -4,2% na passagem de agosto para setembro de 2019. Em relação a inadimplência, o resultado foi maior nas cidades de São Bento do Sul (1,25%), Rio do Sul (1,15%) e Joinville (0,97%). As cidades que registraram maiores quedas foram Lages (-0,44%), Tubarão (-0,17%) e Caçador (-0,02%). Quando analisado recuperação de crédito, as 10 cidades pesquisadas registraram crescimento, onde os maiores resultados foram em Chapecó (4,7%), Criciúma (4,5%) e Rio do Sul (4,4%).

Acumulado de 12 meses

Segundo o economista da Facisc, Leonardo Alonso Rodrigues, quando comparado as informações acumuladas em 12 meses, os indicadores de inadimplência e de recuperação de crédito ao consumidor vem registrando crescimento no estado de Santa Catarina. Nesta base de comparação, o Indicador de Registros de Inadimplentes cresceu 6,4% e o Indicador de Recuperação de Crédito do Consumidor 9,8%. “Em linhas com o que ocorre no estado, as cidades catarinenses também acompanharam o movimento em menor ou maior proporção dependendo do município”, explica. Pelo lado da inadimplência, a variação foi maior nas cidades de Rio do Sul e Blumenau (12,5%), seguido de Joinville (11,7%). Neste indicador, a única cidade que registrou queda nesta comparação foi Lages (-0,3%). Pelo lado da recuperação de crédito, a variação foi maior nas cidades de Blumenau (30,8%), Tubarão (29,8%) e Joinville (29,1%). Além disso, todas as cidades pesquisadas tiveram crescimento acima do resultado estadual que foi de 9,8%.

Rodrigues explica que os consumidores catarinenses depois de alguns anos, começam ligeiramente a apresentar problemas com relação ao pagamento de suas dívidas, e por outra frente, a recuperação de crédito cresce também, mas em ritmo mais acelerado. “Isso se dá porque Santa Catarina tem uma recuperação do crescimento econômico mais acelerada do que acontece no Brasil”.

Em 2017 e 2018,  o estado cresceu 7,1% em cada ano segundo Índice de Performance Econômica das Regiões do Estado de Santa Catarina (IPERSC). Nos últimos dois anos, Santa Catarina liderou o volume de vendas do comércio varejista no país. Em 2017 registrou crescimento de 13,5% e 8,1% em 2018. “Mais um ponto a se considerar é que Santa Catarina está entre os únicos estados que conseguiram ultrapassar o nível de emprego formal de 2014, período de maior nível de emprego, e vem conseguindo reduzir a taxa de desemprego na mesma direção”, detalha o economista. Já até setembro de 2019, acumula saldo positivo de 73.404 vagas de empregos formais e mantêm a menor taxa de desemprego do país (6,0%). “Entre esses fatores, pesa mais nas relações com a inadimplência, que, por um lado, com o maior volume de vendas no comércio e volta do consumo uma parte dos consumidores já registram dificuldades em honrar seus compromissos realizados. Por outro lado, com o aumento do emprego e recuperação da renda, boa parte das famílias catarinenses vêm registrando um reequilíbrio mais vigoroso das dívidas que se encontravam em um período recente com mais dificuldades de pagamento, e esse movimento da recuperação do crédito segue um ritmo mais acelerado no estado do que pelo lado da inadimplência”.

Santa Catarina no contexto nacional

Para o resultado acumulado em 12 meses (até setembro de 2019), o Indicador de Registros de Inadimplentes registrou queda de -3,0% no Brasil. Nesta base de comparação, Santa Catarina foi o estado que obteve maior crescimento (6,4%) no indicador entre as Unidades da Federação.

O Indicador de Recuperação de Crédito do Consumidor registrou queda de -3,3% para o resultado acumulado em 12 meses (até setembro de 2019) no Brasil. Nesta base de comparação, Santa Catarina registrou crescimento de 9,8%, sendo o quarto estado que obteve melhor desempenho do indicador no país.

Conteúdos relacionados

Ver mais conteúdos

Superesportivas da italiana Ducati chegam a Santa Catarina

14.11.2019

Superesportivas da italiana Ducati chegam a Santa Catarina

Horário de Natal do comércio: acordo libera lojistas de Florianópolis para definir quando devem abrir e fechar seus negócios

14.11.2019

Horário de Natal do comércio: acordo libera lojistas de Florianópolis para definir quando devem abrir e fechar seus negócios

Imperatriz Gourmet inaugura primeiro supermercado completo em um aeroporto no Brasil

14.11.2019

Imperatriz Gourmet inaugura primeiro supermercado completo em um aeroporto no Brasil

Saiba mais sobre Florianópolis no deolhonailha.com.br O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.

Anuncie no portal.
Entre em contato.