Florianópolis, 12 de julho de 2024

Sebrae/SC e prefeitura de Florianópolis promovem ações para aumentar a competitividade do destino turístico da capital catarinense

spot_img

Shopping Itaguaçu promove Copinha Pokémon TCG na GO FEST 

Evento imperdível leva diversão para os fãs do jogo,...

LeadSquad: Transformando Leads em Lares

TRÊS AMIGOS, PARCEIROS EM DIFERENTES SITUAÇÕES, SE UNIRAM PARA...

Compartilhe

As ações devem beneficiar os pequenos negócios da cadeia de valor do turismo da região da grande Florianópolis e o município, com o aumento do desenvolvimento econômico

O Projeto Destinos Turísticos Inteligentes da Grande Florianópolis, promovido pelo Sebrae/SC e a prefeitura de Florianópolis, por meio da Secretaria de Turismo, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico, teve início no mês de agosto e vai até dezembro de 2021, com o objetivo de elevar a competitividade dos pequenos negócios do setor de turismo da região. 

As principais ações do projeto visam o uso de tecnologias e inovação para aumentar a competitividade do destino turístico da capital catarinense, transformando-o em um destino turístico inteligente, utilizando dados gerados pelos próprios turistas para ações mais assertivas, promovendo um modelo de desenvolvimento baseado na modelagem de Destinos Turísticos Inteligentes (DTI).

“O projeto colabora para o desenvolvimento turístico, com estruturação sólida, a partir de indicadores contemporâneos. Ainda há a qualificação dos atrativos, fortalecendo experiências autênticas e trazendo novas possibilidades de produtos turísticos, como os relacionados ao turismo de base comunitária e o turismo de cinema, por meio do Floripa Film Commission – especialmente com ênfase em produto e na integração entre os atores da cadeia do setor turístico”, afirma Vinicius de Lucca Filho, Superintendente de Turismo da Prefeitura de Florianópolis.

Entre as ações estão a utilização de tecnologias e inovação para aumentar a competitividade dos pequenos negócios, formatação de produtos personalizados e agregação de valor aos visitantes. Os beneficiários do projeto serão os pequenos negócios da cadeia de valor do turismo da região da grande Florianópolis, e, consequentemente, o município, com o aumento do desenvolvimento econômico da cidade.

“O projeto está estruturado na transformação de um destino tradicional, para um destino turístico inteligente, que deve ser contínuo e baseado em pilares sólidos, sendo capaz de promover a inovação social em benefício da comunidade, gerar inteligência de mercado a partir das ações trabalhadas no projeto e fazer com que a inovação chegue aos pequenos empreendedores catarinenses”, afirma Wanderley Andrade, gerente regional do Sebrae/SC na Grande Florianópolis.

As ações estão distribuídas em três pilares estratégicos, como a implementação de tecnologias e inovação para tornar Florianópolis um destino turístico inteligente, o desenvolvimento de novos produtos turísticos alinhados às tendências do comportamento do viajante 4.0 – mais exigente e digitalizado -, e a promoção do destino turístico.