fique por dentro de floripa

- Eventos - Sindifisco Nacional Florianópolis esclarece contadores sobre fraudes detectadas na Operação Saldo Negativo

14.11.2019

Sindifisco Nacional Florianópolis esclarece contadores sobre fraudes detectadas na Operação Saldo Negativo

14.11.2019
Sindifisco Nacional Florianópolis esclarece contadores sobre fraudes detectadas na Operação Saldo Negativo
Foto: Palestra dos auditores fiscais no CRC - Foto de Aline Cabral Vaz

Em palestra realizada na manhã desta quinta-feira (14) no Conselho Regional de Contabilidade (CRC), o delegado Saulo Figueiredo Pereira, da Receita Federal, destacou que “o primeiro passo da arrecadação é a orientação ao contribuinte”. Ao lado dele, os auditores fiscais Rogério Penna e Roger Corrêa, que integram o Sindifisco Nacional/Delegacia Sindical de Florianópolis, explanaram sobre o trabalho que culminou com a Operação Saldo Negativo.

A ação desencadeada recentemente pela Receita Federal desarticulou uma quadrilha que causou um prejuízo de cerca de R$ 2,3 bilhões aos cofres públicos. A investigação identificou ainda a participação de 3.500 empresas de todo o País na fraude. “Somos técnicos, somos éticos e, se erramos, temos que reconhecer e debater para que não ocorra novamente”, disse o presidente do CRC-SC, Marcelo Alexandre Seemann, ao lembrar da importância do sigilo do código de acesso aos certificados digitais.

Em sua fala, o auditor Roger Corrêa detalhou as características dos falsos créditos. “Não se pode acreditar em melhor dos mundos. Não existe compensação com crédito de terceiros. A responsabilidade não se transfere; no fim quem fica com o problema é o seu cliente”, disse. O auditor explicou ainda que os fraudadores se apresentam muito bem, são ardilosos, apresentam bens em garantia, falsificam decisões da Receita, tentam cooptar pessoas de confiança. “Para conquistar clientes eles desqualificam o trabalho dos contadores. Por isso a importância de vocês para convencer os clientes a não pular da ponte”, disse.

Rogério Penna chamou a atenção para a localização da quadrilha, que estava instalada em Santa Catarina mas atuava em todo o País. “Nem todos os parceiros desses criminosos foram alcançados pela investigação, mas detectamos que alguns trabalhavam para outras organizações criminosas. O material da busca e apreensão deve nos levar a algo muito maior. Por isso a importância do contador, denunciando e evitando que essas quadrilhas cresçam”, completou.

A palestra foi transmitida e está disponível no canal YouTube do CRC SC: https://youtu.be/uAWb71L3F4M

Conteúdos relacionados

Ver mais conteúdos

Florianópolis sedia maior evento cervejeiro da América Latina

20.02.2020

Florianópolis sedia maior evento cervejeiro da América Latina

Influenciadora compartilha dicas de automaquiagem com talentos da Bella Hub

20.02.2020

Influenciadora compartilha dicas de automaquiagem com talentos da Bella Hub

Florianópolis sediou a maior competição de Direito Internacional do mundo

19.02.2020

Florianópolis sediou a maior competição de Direito Internacional do mundo

Saiba mais sobre Florianópolis no deolhonailha.com.br O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.

Anuncie no portal.
Entre em contato.