17.3 C
fpolis
segunda-feira, maio 16, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Cimed/SKY mostra força de elenco e estreia com vitória por 3 a 0 fora de casa

spot_img

Cimed/SKY mostra força de elenco e estreia com vitória por 3 a 0 fora de casa

spot_imgspot_img

Sem Giba e poupando Bruno e Gustavo ao máximo, equipe tetracampeã da Superliga Masculina teve no oposto Rivaldo, na sua recepção e nos seus ataques as armas fundamentais para bater o Londrina/Sercomtel pela primeira rodada

A Cimed/SKY estreou na temporada 2011/2012 da Superliga Masculina de Vôlei em grande estilo neste domingo (11/12). O time tetracampeão da competição foi à cidade de Londrina (PR) e se impôs fora de casa contra o Londrina/Sercomtel, vencendo por 3 sets a 0 (25/17, 25/21 e 25/22), em 1h27, conquistando seus primeiros três pontos. Na primeira rodada do campeonato, apenas o Sesi, contra o RJX, e o Vôlei Futuro, contra o UFJF, conseguiram ganhar por sets diretos.

A equipe comandada pelo técnico Marcos Pacheco chegou à vitória com um time ainda desfalcado dos jogadores que integraram a seleção brasileira na Copa do Mundo, no Japão. O levantador Bruno e o central Gustavo entraram na quadra, mas só por alguns minutos. O ponteiro Giba foi poupado.

“A equipe se portou muito bem, era o time que vinha treinando e jogando. Lógico que o Giba, o Gustavo e o Bruno são muito importantes, mas a Cimed/SKY não é só Giba, Gustavo e Bruno. A Cimed/SKY é um time e um grupo altamente competitivo. Se por ventura não tivermos eles, o resto do grupo consegue suportar a pressão e vai em busca da vitória também”, disse Pacheco.

Vitória de um forte grupo
A equipe titular da Cimed/SKY foi formada pelo levantador Murilo, o oposto Rivaldo, os centrais Eder e Renato Felizardo, os ponteiros João Paulo e Renato Russomano e o líbero Badá. Além de Bruno e Gustavo, o oposto Kaio atuou na partida vindo do banco.

Mesmo sem os selecionáveis, a Cimed/SKY manteve um alto nível durante todo o jogo, com um ótimo aproveitamento no passe (83% de acerto na recepção, com 67% de passes perfeitos) e nos ataques (68% de acertos). A equipe sempre controlou o placar. Nos dois primeiros sets, o início foi equilibrado, com o tetracampeão da Superliga Masculina sempre deslanchando entre os tempos técnicos.

O terceiro set foi o mais difícil. O Londrina/Sercomtel chegou a estar na frente após o segundo tempo técnico. Com tranqüilidade, a Cimed/SKY equilibrou as ações, virou o placar e ainda abriu uma boa vantagem, chegando a 24 a 20. Apesar de um certo nervosismo para fechar o jogo, o time tetracampeão da Superliga conseguiu sacramentar a vitória em sets diretos, mostrando a força de seu elenco.

“Uma estreia sempre é complicada, ainda mais fora de casa e com o time sendo construído. Mas valeu, valeu pela vitória, pelos 3 a 0. Com as novas regras, não há mais direito a errar, com o foco set a set porque é fundamental ganhar por 3 a 0 ou 3 a 1”, afirmou Pacheco.

O levantador Murilo teve a responsabilidade de substituir Bruno na primeira partida do campeonato e esteve bem, ajudado pela boa recepção da equipe em Londrina. “O jogo foi bom para improvisar o grupo inteiro. O jogo foi meio acelerado no começo, mas depois conseguimos dar uma acalmada e dominar o jogo”, falou.

O destaque individual da partida foi o oposto Rivaldo, maior pontuador da Cimed/SKY, com 14 pontos, e ganhador do troféu Viva Vôlei de melhor jogador do confronto. O atleta revelou que todos estavam cientes de que era importante manter um bom nível de atuações no início da Superliga enquanto Giba, Gustavo e Bruno se recuperam do ano agitado que tiveram.

“A vitória de hoje foi extremamente importante. O nosso time é bem entrosado. Um dos pontos fortes é esse elenco bem forte e de chegada. Para mim, particularmente, foi muito bom, e para o time, foi perfeito. Nós estamos conversando há muito tempo sobre isso, que o começo da Superliga seria dessa forma. O Giba, o Gustavo e o Bruno vieram de muitas competições, tiveram um ano muito intenso com a seleção. Nosso time foi montado com esse propósito. Se a gente fizer a nossa parte, dá uma tranqüilidade maior para eles voltarem na hora certa”, comentou Rivaldo.

Na próxima rodada, a Cimed/SKY jogará pela primeira vez em casa, recebendo o Medley/Campinas no ginásio Capoeirão, em Florianópolis (SC), nesta quarta-feira (14/12), às 20h00.

Confira os resultados da Cimed/SKY na Superliga Masculina 2011/2012:
11/12/2011 – Londrina/Sercomtel 0 x 3 Cimed/SKY (17/25, 21/25 e 22/25), em Londrina (PR)

Confira os próximos jogos da Cimed/SKY pela Superliga Masculina 2011/2012:
14/12/2011 – Cimed/SKY x Medley/Campinas, em Florianópolis (SC), às 20h00
17/12/2011 – BMG/Montes Claros x Cimed/SKY, em Montes Claros (MG), às 19h30
20/12/2011 – Cimed/SKY x RJX, em Florianópolis (SC), às 21h00 (com SporTV)
23/12/2011 – Cimed/SKY x Vivo/Minas, em Florianópolis (SC), às 21h00 (com SporTV)

spot_img