19.9 C
fpolis
quinta-feira, dezembro 9, 2021
cinesytem

Medalhas àqueles que procuram mudar realidades em Florianópolis

spot_imgspot_img

Medalhas àqueles que procuram mudar realidades em Florianópolis

spot_img

A Câmara Municipal de Florianópolis realizou na noite de quarta-feira, dia 19 de outubro, no auditório Antonieta de Barros, da Assembleia Legislativa, a solenidade de entrega das medalhas João Paulo II e Herbert de Souza, a entidades e pessoas cujas ações em benefício dos necessitados têm a capacidade de mudar destinos e a realidade que lhes é imposta quer pela falta de condições financeiras quer pela falta de oportunidades.

Participaram da sessão solene, conduzido pela presidente da Câmara, vereador Jaime Tonello (PSD), os vereadores e ex-vereadores que propuseram as homenagens, que foi prestigiada também pelo professor Rodolfo Pinto da Luz, secretário de Educação de Florianópolis, que representou o prefeito Dário Berger; pelo secretário de Relações Internacionais da Universidade Federal de Santa Catarina, professor Enio Luiz Pedrotti, representando o reitor da UFSC, Álvaro Prata; pelo tenente-coronel João Henrique Silva, que representou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Nazareno Marcineiro; e pela segunda-tenente Ana Cláudia Soares Pereira, representando o comandante da Escola de Aprendizes Marinheiros de Florianópolis, capitão-de-fragata Luís Filipe Rabello Freire, além de parentes e amigos dos homenageados. A solenidade contou ainda com a participação do Coral Santa Cecília da Catedral Metropolitana, conduzida pelo maestro padre Nei Brasil.

O presidente Jaime Tonello saudou os agraciados dizendo de sua satisfação pelo fato de a Câmara realizar uma solenidade com tão profundo alcance social. Segundo o vereador, Herbert de Souza, o Betinho (1935-1997), sociólogo e ativista dos direitos humanos que se notabilizou pelas campanhas contra a fome e a miséria, e o João Paulo II (1920-2005), o Papa peregrino, que há 20 anos rezou, em Florianópolis, a missa de beatificação da hoje Santa Paulina, são espelhos dos atos humanitários praticados pelas entidades e pessoas que, com atos simples e muitas vezes anônimos, ajudam a transformar a nossa realidade.

Logo em seguida foram entregues as medalhas João Paulo II. O ex-vereador Ivan dos Santos homenageou Inácio Maincotti, da Ação Social Paroquial Nossa Senhora de Fátima, do Estreito, e Maria Edvirges Goularte, presidente da Associação Amigos do Hospital Florianópolis. O vereador Erádio Gonçalves (PSD) entregou a medalha ao casal Francisco e Elizete, do Movimento de Irmãos da Área 2 do Saco dos Limões. O vereador Dinho, Edinon Manoel da Rosa (PMDB), homenageou Nei Duarte de Souza, fundador da Sociedade São Vicente de Paula Conferencia Nossa Senhora de Guadalupe de Canasvieiras. O vereador Marcos Aurélio Espíndola, o Badeko (PSD), concedeu a medalha ao coordenador do Movimento Irmãos da Coloninha, Homero Magagnin. Em nome do vereador Márcio de Souza (PT), o vereador Aurélio Valente (PP) homenageou o presidente da Sociedade Polônia de Florianópolis, Reinaldo Joceli de Souza. O vereador Dalmo Meneses (PP) entregou a medalha aos coordenadores da Obra Nova Casais, Ademilton e Ana. Também serão entregues posteriormente as medalhas concedidas pelo ex-vereador Gean Loureiro à Casa dos Girassóis e à Caixa dos Indigentes de Florianópolis.

Depois vieram os homenageados com a medalha Herbert de Souza. O vereador Badeko homenageou Regina Niura Silva do Amaral, presidente do projeto Ação Social Coloninha, que lida com crianças em situação de vulnerabilidade, e Fábio Dalci da Silva, ex-jogador do Figueirense, cujas escolinhas de futebol nas localidades do Monte Cristo, Sapé, Chico Mendes e Novo Horizonte atendem mais de 300 crianças. O vereador Ricardo Vieira (PcdoB) e a ex-vereadora Janete Teixeira também homenagearam o ex-jogador do Avaí Claudio Agenor da Silva, o Claudinho, por seu trabalho com crianças carentes. Em nome do ex-vereador Gean Loureiro, o vereador João da Bega (PMDB), junto com o professor Rodolfo Pinto da Luz, entregou a medalha ao tenente-coronel João Henrique Silva, que representou o Proerd – Programa Educacional de Resistência às Drogas e contra a Violência da Polícia Militar de Santa Catarina.

O vereador Dinho homenageou Jocenir Nelson da Matta, que há 25 anos é vigilante da Escola Básica Osmar Cunha em Canasvieiras, por sua dedicação às crianças, e, junto com o vereador Aurélio Valente, dona Vanda Maria da Cunha Martins, professora aposentada e catequista nos bairros de Santo Antônio de Lisboa e Sambaqui. O vereador César Faria (PSD) entregou a medalha a Gerson Rumaior, criador da Ong Portal da Esperança e do SOS Crianças, um portal sobre crianças desaparecidas em SC. Erádio Gonçalves homenageou Maria Regina da Rosa, coordenadora da Pastoral da Criança na Costeira do Pirajubaé. O ex-vereador Romeu Franzoni entregou a medalha ao vice-presidente do Instituto Lagoa Social, Pedro de Almeida, pelos programas Driblando a Vida, que atende 420 crianças carentes, e Pipoca, que leva o cinema às escolas públicas.

Ausente por motivo de força maior, Márcio de Souza foi representado por César Faria na entrega da medalha a Luciane Vieira dos Santos, presidente da Associação Novo Alvorecer, que funciona há 11 anos na Vila Aparecida, e pelo vereador Célio Bento da Silveira (PMDB) na homenagem ao Padre Vilson Groh, fundador do Centro Cultural Escrava Anastácia no Mont Serrat, que atende 15 mil crianças carentes, na solenidade representado pelo senhor João Pereira de Souza. O vereador Renato Geske (PSD) e seu filho Renatinho entregaram a medalha à doutora Gisele Rosone De Lucca, pediatra e geneticista que se dedica às crianças com Síndrome de Down.

O vereador Dalmo Meneses entregou a medalha a Rui Fernando Garcia, que realiza um trabalho de esporte como prevenção às drogas para adolescentes do bairro Carianos. O vereador Asael Pereira (PSB) homenageou com a medalha Herbert de Souza duas professoras: Claudia Aparecida da Silva e Silva, que trabalha com crianças do Núcleo de Educação Infantil – NEI dos Ingleses; e Denise dos Passos, que há 20 anos trabalha com crianças da Assembleia de Deus de Florianópolis em projetos voluntários esportivos e culturais. E outras duas professoras também foram homenageadas pelo presidente Jaime Tonello, Janete Aparecida da Silva e Zenaide de Souza Machado, por seu trabalho com crianças nas escolas municipais de Florianópolis.

Antes do final da solenidade, a doutora Gisele De Lucca falou em nome dos homenageados e disse que carinho, amor e solidariedade vêm da base familiar e que as medalhas não são exclusivas dos homenageados, mas de todas as equipes que os ajudam a acreditar no sonho da união de esforços em prol dos necessitados. Gisele contou do trabalho da associação Amigo Down, que atende crianças portadoras da síndrome em São José, e do trabalho voluntário de mãe e pais, cardiologistas e fisioterapeutas, entre outros especialistas, que auxiliam para que todas elas tenham todas as oportunidades. “A gente só consegue fazer algo se tivermos uma equipe disposta a nos ajudar”, afirmou.

spot_img
spot_img