27.1 C
fpolis
terça-feira, novembro 30, 2021
cinesytem

Programa Miniempresa incentiva empreendedorismo jovem

spot_img

Programa Miniempresa incentiva empreendedorismo jovem

spot_img

Junior Achievement realiza formatura de estudantes que participaram das atividades em 2011

Criar uma empresa, desenvolver produtos e as estratégias de comercialização. Esses são os principais objetivos do Programa Miniempresa, desenvolvido pela Junior Achievement junto a estudantes do ensino médio de escolas públicas e privadas. Depois de cinco meses de trabalho e dedicação, mais de 300 estudantes de 14 escolas da Grande Florianópolis estão se formando no programa no dia 13 de setembro, em solenidade que será realizado no Teatro Pedro Ivo Campos. Além da Grande Florianópolis, em setembro ainda se formaram os participantes do miniempresa nos municípios de Lages (05/09) e Blumenau (08/09)
Uma das marcas da programa este ano foi a criatividade e ousadia dos estudantes, que criaram produtos diferenciados e inovadores. Esse é o caso, por exemplo, da Tsurugami, miniempresa formada por estudantes da Escola Jovem de São José. Eles desenvolveram e produziram móbiles feitos com a milenar técnica oriental origami para ser utilizado em decoração. Já os alunos do Colégio da Polícia Militar, de Florianópolis, também desenvolveram um móbile, só que além de enfeite é também um porta-retratos. “A criatividade é um dos grandes méritos dessas turmas”, orgulha-se Evandro Badin, diretor executivo da Junior Achievement em Santa Catarina.

A Junior Achievement é a maior e mais antiga organização de educação prática em economia e negócios, envolvendo mais de 9 milhões de jovens por ano em 123 países. Criada em 1919, esta organização sem fins econômicos tem como missão inspirar jovens a empreender, despertando nos alunos do ensino fundamental, médio e universitário, de instituições públicas e particulares, o espírito empreendedor. Presente em Santa Catarina desde 1997, já beneficiou mais de 150 mil jovens no estado. A entidade é mantida e administrada por empresas privadas que apoiam com recursos financeiros, bem como cedendo voluntariamente executivos que possam transferir suas experiências, implantando e acompanhando os programas nas escolas. Para este ano, a meta é atender mais de 35 mil adolescentes em 46 municípios catarinenses.

As escolas da Grande Florianópolis que participaram do programa em 2011 foram Aderbal Ramos da Silva, Bom Jesus, Catarinense, Dinâmica, Dom Jaime Câmara, Escola Jovem, Geração Beiramar, IFSC São José e Florianópolis, Imaculada Conceição, Instituto Estadual de Educação, Nossa Sra. Fátima, Policial Militar, Santa Catarina e Senac.

spot_img
spot_img

Leia mais